Apesar de recusa inicial de Werdum, Dana White crava brasileiro contra vencedor de Barnett e Browne

Presidente do UFC não quer o brasileiro esperando pelo campeão Cain Velasquez por muito tempo

Fabricio WerdumO retorno de Fabrício Werdum ao octógono foi o assunto mais controverso do UFC nos últimos dias. O brasileiro, que estava escalado para desafiar Cain Velasquez pelo cinturão dos pesados, terá que esperar um pouco mais pela chance de título devido a uma cirurgia que o campeão foi submetido. A organização chegou a oferecer ao atleta gaúcho o vencedor de Josh Barnett e Travis Browne para que ele não ficasse muito tempo inativo. Werdum chegou a recusar a luta, mas o presidente da franquia, Dana White, garantiu que o duelo irá acontecer.

Em entrevista ao canal FOX Sports, nos Estados Unidos, White disse que não concorda com o longo período de Fabrício longe dos combates e chegou a chamar de ‘ridicula’ a possibilidade dele aguardar a recuperação de Velasquez.

“Eu me encontrei com (Fabricio) Werdum ontem e ele vai lutar contra o vencedor de Travis Browne e Josh Barnett. Ele esperar (por Cain Velasquez) é ridículo”, cravou o mandatário.

“Não estou interessado em ver Werdum parado, ele vai lutar. Porque chega um ponto em que já faz tanto tempo desde que ele lutou que ninguém dá importância. Você começa a desaparecer e ninguém se importa. Por isso estamos indo para empurrá-lo para lutar”, completou o cartola.

O duelo entre Josh Barnett e Travis Browne, possíveis adversários de Fabrício, está marcado para o UFC 168, evento que acontece dia 28 de dezembro, em Las Vegas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments