José Aldo descarta arrependimento por aposentadoria e revela que recusou luta no UFC Rio

O ex-campeão dos penas disse que a sua decisão foi cuidadosamente planejada com sua esposa e treinador e rechaçou a hipótese de voltar ao MMA

J. Aldo aquece antes de sua última luta, no UFC 278 (Foto: Instagram/UFC)

Atualmente aposentado do MMA, o brasileiro José Aldo não parece estar arrependido da sua decisão. Em entrevista ao podcast ‘Trocação Franca’, o ex-campeão dos penas disse que a sua atitude foi totalmente planejada com seu treinador e sua esposa e revelou que recusou fazer uma luta de despedida no UFC Rio, previsto para o próximo dia 21 de janeiro.

Veja Também

“Eu estava na minha última corrida pelo título. Eu estava esperançoso e treinando bem, no meu melhor tanto física quanto tecnicamente, e tinha a intenção de ser campeão, mas no momento que eu vi que não seria mais possível ser campeão, é quando eu pararia. Já era esperado para mim, Dedé Pederneiras e a minha esposa. Eu sabia que se a vitória não viesse (contra Merab Dvalishvili), minha carreira acabaria. E assim foi”, disse Aldo.

PUBLICIDADE:

O ‘campeão do povo’ contou que o UFC chegou a lhe oferecer uma luta no Rio, em janeiro de 2023, mas que ele já estava decidido a pendurar as luvas e que não queria voltar atrás em sua decisão.

“les disseram que poderíamos até escolher um adversário mais fácil, vamos colocar desta forma, mas não. Para mim, já estava decidido. Estou triste porque poderíamos fazer essa despedida no Rio, mas eu não quis. Se você diz que eu tenho que completar o contrato, eu escolheria o cara mais bem classificado, o mais durão, para me afastar e me testar porque eu sei que ainda tenho o que é preciso para estar no mais alto nível. Mas, não. Estou triste pelos fãs, pela mídia, todo mundo pensou nessa luta, eu me despedindo no Rio, mas não por mim. Esse era o meu plano e não vou voltar andando. Eu tenho um filho agora, Aldo III, então a ideia de lutar não passa pela minha cabeça”, finalizou o manauara.

PUBLICIDADE:

Profissional de MMA durante quase 20 anos, Aldo chegou ao UFC em 2011 e foi campeão dos penas em duas oportunidades. O manauara pendurou as luvas com um cartel de 31 triunfos e oito reveses no esporte.

Leia Mais sobre: , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88