Representante de Cyborg desabafa contra Ronda: ‘Ela fala porque tem medo’

George Prajin divulgou uma longa declaração em que desabafa contra as acusações da campeã do UFC

Cyborg (foto) tem sido alvo dos ataques de Ronda. Foto:  Esther Lin / STRIKEFORCE

Cyborg (foto) tem sido alvo dos ataques de Ronda. Foto: Esther Lin / STRIKEFORCE

Na última semana, a campeã da categoria peso galo feminina do UFC Ronda Rousey deu uma declaração polêmica sobre a rival Cristiane Cyborg, em que se referiu à brasileira como “coisa”. As palavras de Ronda causaram revolta em parte da comunidade do MMA, e rendeu até mesmo uma ação pública de repúdio por parte de uma marca de material esportivo. Na noite desta terça-feira (22), foi a vez de George Prajin, representante oficial de Cyborg, manifestar seu descontentamento com os ataques de Rousey.

Em um longo desabafo divulgado pelo site norte-americano “MMA Junkie”, Prajin acusou Ronda de machucar Cyborg com suas palavras porque ela não seria capaz de fazer o mesmo fisicamente, caso elas viessem a se enfrentar. O representante também afirmou que, ao contrário da rival, brasileira não precisa recorrer à insultos ou ofensas.

Confira abaixo, na íntegra, o longo desabafo, em forma de testemunho, de George Prajin, representante de Cris Cyborg:

Primeiramente, Cris Cyborg é uma mulher linda e tem um coração enorme. Ela tem uma mãe, um pai e uma sobrinha linda que criou desde que ele nasceu. Ronda não só está tentando machucar Cris, mas está prejudicando eles também. Esta é uma luta esportiva , não há razão para os ataques de ódio. Você quer machucar Cris? Então entre com ela no cage. Eu te desafio!

Cris Cyborg não necessita recorrer a insultos pessoais. Ela quer machucar Ronda fisicamente e não verbalmente. As declarações de ódio de Ronda mostram que ela teme Cris, porque ela sabe que ela tem que atacá-la verbalmente para machucá-la, já ela não pode fisicamente. Ela sabe que não tem chance contra Cris em uma luta.

Primeiro, ela correu para a categoria peso galo para escapar dela, esperando que ela nunca viesse a enfrentá-la. Em seguida, quando os fãs começaram a exigir a luta, ela se escondeu atrás de sua divisão de peso. Agora que Cris vem atrás dela, ela está construindo a desculpa das desculpas – lutar contra Cris não seria justo.

Ela está certa em uma coisa: não seria justo. E não tem nada a ver com drogas para melhorar o desempenho. É porque a Cris é muito melhor do que ela. E concordar com Ronda, seria criminoso. Na verdade, se não fosse uma luta consensual, seria considerado crime (fazendo menção à surra).

Ronda está fazendo graves acusações de que Cris está abusando de esteroides. A menos que ela tenha a prova, ela está tendo um desrespeito imprudente pela verdade!

Ronda sabe que Cris passou por quatro testes de drogas consecutivos, incluindo um teste antidoping aleatório realizado em março deste ano. Tudo o que Ronda está fazendo é tentar construir uma desculpa, uma vez Cris a dominaria no cage. É por isso que ela mente e diz que Cris é trapaceira.

Definitivamente , Cris não está usando drogas para melhorar o seu desempenho!

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments