Ediane Índia diz que Cyborg está ‘se escondendo’ e irrita campeã: ‘Quer chamar a atenção’

Ediane ainda afirmou que vai descer de categoria e desafiou a campeã peso galo do Invicta FC, Holly Holm

Ediane (foto) vem de quatro vitórias consecutivas. Foto: Reprodução/Facebook

Ediane (foto) vem de quatro vitórias consecutivas. Foto: Reprodução/Facebook

Enquanto muitos projetam Cris Cyborg e Ronda Rousey como as principias adversárias atualmente no MMA feminino, uma nova rivalidade tem agitado a modalidade, e a rixa envolve duas compatriotas. Usando seus perfis nas redes sociais, Ediane Índia divulgou um texto em que acusa Cris Cyborg de estar fugindo de um eventual combate entre elas pelo cinturão da categoria peso pena do “Invicta FC”, que deveria ter acontecido em maio e acabou sendo remarcado para julho. A paulistana ainda afirmou que vai descer da do peso pena para o peso galo e que pretende desafiar a campeã do evento na divisão , Holly Holm.

“Quando você pensa que está segura no MMA feminino, eu estou de volta. Como todo mundo na divisão dos pesos-penas está se escondendo, inclusive a campeã do Invicta FC, Cris Cyborg, eu vou descer para 61,36 kg e desafiar Holly Holm e a divisão peso-galo inteira. Holly, eu entendo que você está tendo problemas em encontrar adversária, mas eu estou bem aqui e o telefone do meu empresário funciona. Não perca o seu tempo tentando enfrentar Cyborg, pois ela vai te enrolar assim como ela está fazendo comigo. Mas se você está com medo, vá em frente e volte ao boxe. Eu não gostaria de encerrar a sua carreira com um só soco. Qualquer uma que queria me enfrentar na divisão dos galos sabe que eu estou aqui”, escreveu Ediane.

As palavras de Índia irritaram Cyborg, que respondeu à altura. “A Ediane realmente quer chamar atenção dizendo que eu estou me escondendo dela. Sério? Eu não me lembro de ter passado qualquer oportunidade de chutar o traseiro dela. Na verdade, não foi ela quem misteriosamente se machucou na única vez em que a nossa luta foi marcada? A única razão pela qual eu ainda não lhe dei uma surra é porque o Invicta ainda não realizou um evento e nem agendou a nossa luta. Eu nunca escolho oponente, mas por favor Shannon (Knapp, presidente do Invicta FC) faça essa luta acontecer. E Ediane, cuidado com o que você deseja, porque você vai ter e não vai ser só a minha atenção. Você vai levar uma surra!”, disparou a campeã, em nota publicada pelo site do canal “Combate”.

Campeã da categoria peso pena do Invicta FC desde julho do ano passado, quando venceu Marloes Coenen na disputa do cinturão inaugural do evento, Cris Cyborg ainda não defendeu seu título no cage da organização. De lá pra cá, a curitibana chegou a disputar outro cinturão, do evento de muay thai Lion Fight, mas acabou derrotada no combate. Já Ediane Índia vem de quatro vitórias consecutivas, as duas últimas já como atleta do Invicta. A paulistana de 33 anos não perde desde o revés sofrido para Ronda Rousey, em 2011, no evento que marcou a estreia nas artes marciais mistas daquela que é a principal atleta das suas categorias femininas atualmente.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments