Preparando-se para Johnson, Minotouro destaca nível de treinamento em pé e no wrestling

Para combate de julho, brasileiro realiza treinamentos com wrestler Khetag Pliev e o kickboxer Anderson Braddock

Da esquerda para a direita: Braddock, Minotouro e Pliev treinam na Team Nogueira. Foto: Divulgação

Da esquerda para a direita: Braddock, Minotouro e Pliev treinam na Team Nogueira. Foto: Divulgação

Depois de mais de um ano afastado das lutas, Rogério Minotouro voltará ao UFC no dia 26 de julho, contra o perigoso Anthony Johnson. E, para se preparar para o desafio que terá pela frente, o veterano brasileiro conta com duas peças fundamentais para o seu treinamento: o wrestler Khetag Pliev e o lutador de kickboxing Anderson Braddock.

Nascido na Rússia, mas representante do Canadá, Pliev foi parte fundamental para o treinamento de Minotouro em sua última luta, quando derrotou Rashad Evans. Já Braddock é um dos principais strikers do Brasil na atualidade, competindo atualmente no evento Glory.

Minotouro acredita que o nível de seu treinamento será crucial para uma boa performance contra Johnson. “O Khetag e o Braddock são duas grandes adições ao meu camp. Eles são dois atletas do primeiro escalão em suas respectivas modalidades. O Khetag é muito forte e consegue me desenvolver muito bem na parte de wrestling, ele foi peça fundamental na minha preparação contra o Rashad Evans. Já o Braddock é um dos melhores strikers do mundo. É um cara muito agressivo e rápido para o tamanho dele. Treinar com um cara desse nível vai melhorar muito o meu muay thai. Além do meu camp, eles vêm para somar a todos os atletas do Team Nogueira. Está sendo ótimo, e esperamos terminar essa preparação da melhor forma e voltar muito bem ao octógono”, disse Minotouro.

O lutador, que recentemente completou 38 anos de idade, elogiou Johnson. “Ele vem em uma boa sequência e o pessoal ficou impressionado com a sua vitória sobre o Phil Davis. Ele foi bastante agressivo e surpreendeu um atleta muito forte na categoria. Acho que isso é bom e um grande desafio para mim. Estou bem motivado e confiante para fazer um bom retorno”, concluiu.

A última luta de Minotouro no UFC foi em fevereiro de 2013, sendo que a ocasião também marcava um período de mais de um ano afastado – sua penúltima atuação, contra Tito Ortiz, foi em dezembro de 2011. Em seis lutas no UFC, Minotouro soma quatro vitórias e duas derrotas – para Ryan Bader e Phil Davis.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments