Glover Teixeira confirma luta contra Phil Davis no UFC 179, no Rio de Janeiro

Mineiro comemora acordo para lutar no Brasil e diz estar de olho em uma nova disputa de cinturão em 2015

Glover (esq.) e Davis (dir.) irão duelar no UFC 179, no Rio. Foto: Produção Super Lutas (UFC/Divulgação)

Glover (esq.) e Davis (dir.) irão duelar no UFC 179, no Rio. Foto: Produção Super Lutas (UFC/Divulgação)

Glover Teixeira é mais uma aquisição do card do UFC 179, que será realizado no dia 25 de outubro no Rio de Janeiro (RJ). Nesta sexta-feira (1º), o mineiro confirmou que irá enfrentar Phil Davis no ginásio do Maracanãzinho, na luta que será sua primeira desde que perdeu para Jon Jones na disputa do cinturão dos meio-pesados.

“Meu empresário me ligou confirmando a luta no Maracanãzinho”, celebrou Glover, em entrevista ao site “Portal do Vale Tudo”. Esta será sua segunda luta no Rio de Janeiro pelo UFC, já que derrotou Fabio Maldonado em outubro de 2012 na arena da Barra da Tijuca.

“Vai ser irado lutar no Brasil de novo, no Rio de Janeiro. Estou muito feliz, treinando muito. Lutar com o Phil Davis vai ser muito bom – ele é um cara já conhecido no Brasil, pois enfrentou alguns brasileiros e venceu. Agora é a hora de me provar e começar a subir as escadas de novo. Vou treinar bastante e cair para dentro. No ano que vem quero disputar esse cinturão de novo”, completou o brasileiro, de 35 anos de idade.

Em abril, Teixeira perdeu uma invencibilidade que durava nove anos no MMA. Após vencer cinco lutas seguidas no UFC, ele teve a chance de lutar pelo título contra Jones, que dominou os cinco rounds do combate e venceu na decisão dos juízes.

Davis, por sua vez, lutou duas vezes no Rio de Janeiro, derrotando os brasileiros Wagner Caldeirão (2012) e Lyoto Machida (2013). Em sua última apresentação, no entanto, sofreu derrota para Anthony Johnson no mesmo evento em que Glover desafiou Jones.

A luta principal do UFC 179, confirmada na semana passada por Dana White, será a disputa do cinturão dos penas entre o campeão, José Aldo, e Chad Mendes. O combate será uma revanche da luta realizada em 2012, também no Rio de Janeiro, que teve vitória do brasileiro por nocaute.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments