Cigano aposta em Werdum como campeão: ‘Ele tem boas chances de vencer o Velasquez’

Ex-detentor do título elogiou atuação do compatriota contra Travis Browne, mas também destacou pontos positivos do norte-americano

Cigano (foto) opinou sobre a luta principal do UFC 180. Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC

Cigano (foto) opinou sobre a luta principal do UFC 180. Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC

Se existe um atleta no MMA que conhece bem o campeão dos pesos pesados Cain Velasquez, ele é Junior Cigano. Único lutador a vencer o norte-americano até hoje e protagonista de outras duas batalhas contra Cain pelo título, nas quais acabou derrotado, o brasileiro agora verá o compatriota Fabrício Werdum tentar de conquistar o cinturão, em desafio marcado para o dia 15 de novembro. Analisando o combate no México, Cigano destacou os principais pontos de Velasquez, mas viu Werdum com boas chances de sair vencedor.

“Como brasileiro, eu vou torcer para o Werdum trazer o título do UFC de volta ao Brasil, mas ele tem uma tarefa difícil diante dele. O Velasquez é um lutador impressionante com um ótimo cardio, mas eu seu sei que o Werdum está treinando muito duro para isso. Ele tem chance, sim. Se ele lutar como fez da última vez (contra Travis Browne), ele tem boas chances de vencer”, disse Cigano, em entrevista ao site “MMA Fighting”.

O ex-campeão ainda insistiu na última atuação de Werdum e destacou a qualidade da apresentação do gaúcho diante de Travis Browne, em abril. “A última atuação do Werdum foi impressionante. Eu nunca vi ele lutar tão bem como ele fez contra o Browne. Ele obteve uma grande vitória e conquistou uma chance pelo cinturão”, analisou.

Parado por uma lesão desde outubro de 2013, quando venceu o próprio Junior dos Santos, Velasquez estará sem lutar por mais de um ano quando pisar no octógono para enfrentar Werdum. Mesmo relativizando a questão, Cigano acredita que o brasileiro pode ter uma pequena vantagem por isso. “Eu acho que pode ajudar o Werdum. Mas isso não acontece com tanta frequência atualmente por que o nível dos treinos na academia é muito alto agora. Então você pode se preparar para uma luta mesmo se você não tiver lutado por um tempo. Eu acho que isso não será um problema para Velasquez, mas pode ser bom para o Werdum”, concluiu.

Cain Velasquez e Fabrício Werdum comandaram como treinadores a primeira edição do The Ultimate Fighter: América Latina, que já teve suas gravações concluídas e cuja estreia na TV acontece no próximo dia 25 de agosto. Em 15 de novembro, a Cidade do México (México) recebe o UFC 180, com as finais do reality show e o duelo dos treinadores Werdum e Velasquez, em luta válida pelo cinturão dos pesos pesados.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments