Gina Carano confirma participação em dois filmes e negociações com o UFC esfriam

Presidente do UFC, Dana White diz que norte-americana é a pessoa mais difícil com quem já negociou

Carano (foto) está na mira do UFC. Foto: Divulgação/Strikeforce

Carano (foto) está na mira do UFC. Foto: Divulgação/Strikeforce

Como é sabido publicamente, o UFC tem negociado nos últimos meses com a ex-lutadora do Strikeforce Gina Carano, com o objetivo de casar um duelo de musas entre a lutadora e a atual campeã da categoria galo feminina, Ronda Rousey. Porém, ao que tudo indica, Carano não assinará com o UFC tão cedo.

Carano não luta MMA desde 2009, quando deixou as lutas para se dedicar à carreira no cinema. De acordo com o agente da norte-americana, Scott Karp, Carano deverá filmar mais dois filmes até o fim do ano, o que diminui e muito as chances de ela pisar no octógono nos próximos meses.

O fracasso momentâneo das negociações desagradou ao presidente do UFC, Dana White, que classificou Carano como a pessoa mais difícil com quem já negociou. “Ela é o ser humano mais difícil com quem já negociamos, e eu não esperava por isso. Eu não sei, vamos ver o que acontece. É incrivelmente difícil. Já lidamos com Brock Lesnar, Tito Ortiz, Chuck Liddell, Ronda Rousey… Conseguimos fechar acordos com todo mundo neste planeta, mas ela é atleta mais difícil com quem já lidei”, disse White, de acordo com o site da emissora norte-americana “FOX Sports”.

A revolta de White não é nem voltada a Carano em si, mas sim aos seus empresários. “O problema é que ela deixa sua carreira nas mãos desses idiotas de m**** de Hollywood. É uma completa loucura. Já tivemos todas as grandes estrelas do mundo. Agora, estamos falando de uma garota que não luta faz tempo. Sempre que lidamos com pessoas de Hollywood é uma loucura. É literalmente uma loucura”, disparou.

Com isso, White confirmou que a próxima desafiante pelo cinturão de Ronda Rousey deverá ser Cat Zingano, caso ela vença Amanda Nunes no UFC 178, no próximo sábado (27).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments