Minotouro comenta susto em hotel de Brasília: ‘Achei que era brincadeira’

Lutador do UFC e seu irmão gêmeo Minotauro estavam presentes no momento da invasão de sequestrador

R.Minotouro (foto) está fora do ranking oficial do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

R.Minotouro (foto) passou por um susto em Brasília. Foto: Josh Hedges/UFC

Rogério Minotouro admitiu ter levado um susto no momento do sequestro ocorrido em um hotel em Brasília, nesta segunda-feira (29). Um homem armado, dizendo ser um terrorista, invadiu o local e pegou um funcionário como refém, alegando estar com uma bomba. Minotouro, que estava hospedado no hotel junto de seu irmão gêmeo, o também lutador do UFC Rodrigo Minotauro, disse que custou a acreditar no que estava acontecendo.

LEIA TAMBÉM:
Weidman se irrita com Belfort: ‘Quero fazê-lo passar vergonha’
FOTO: Nuguette sofre lesão feia e está fora do UFC 179
Johnson e McGregor levam os maiores salários do UFC 178; veja a lista

“Estávamos em Brasília para ver o treinamento da franquia da Team Nogueira que temos lá. Fizemos um curso de capacitação com eles. Estava saindo do hotel e não acreditando naquilo tudo. Achei que era brincadeira quando falaram no telefone. Até demoramos um pouco para pegar o elevador”, disse Minotouro, em entrevista ao “LANCE!Net”. “Ligaram para o telefone do quarto e falaram que tinha um terrorista no hotel, que tínhamos de descer o mais rápido o possível. Eu achei que era um teste, algo como aqueles treinamentos de incêndio. Achei engraçado, no começo não acreditei muito. Saí do hotel, quando cheguei lá embaixo vi polícia de tudo que era tipo e muita gente. Não cheguei a ficar nervoso, pois não levei fé no que estava acontecendo”, acrescentou.

Mesmo tendo percebido a intensidade dos acontecimentos, Minotouro declarou que em nenhum momento perdeu a calma. “Achei que era um teste de incêndio. Quando descemos, o motorista já estava lá embaixo e nem ficamos muito. Não parava de entrar polícia. Era BOPE, bombeiros… Só gente entrando. Nunca tinha presenciado nada como terrorismo. Foi estranho, mas ficamos tranquilos”, afirmou o lutador.

O homem se rendeu no fim da tarde, quando se descobriu que tanto a arma utilizada quanto as bombas eram falsas.

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments