Assunção entende escolha por Cruz para disputa de cinturão: ‘É difícil dizer que ele não merece’

No entanto, brasileiro reitera sua opinião de que ele deveria ser o próximo a lutar pelo título dos galos

R. Assunção (foto) vai em busca de sua sétima vitória consecutiva. Foto: Josh Hedges/UFC

R. Assunção (foto) vai em busca de sua sétima vitória consecutiva. Foto: Josh Hedges/UFC

Pela terceira vez seguida, Raphael Assunção está tendo de lidar com a frustração de ser deixado de lado na escolha do UFC que diz respeito ao próximo desafiante pelo cinturão dos galos. O brasileiro vem de seis vitórias seguidas desde que desceu para a divisão até 61 kg, incluindo uma sobre o atual campeão, TJ Dillashaw.

Ele seria escalado para enfrentar o então campeão, Renan Barão, no UFC 173, em maio, mas não pôde lutar devido a uma lesão na costela. Meses mais tarde, foi preterido para disputar o título com o agendamento da revanche entre Barão e Dillashaw para o UFC 177, que não acabou acontecendo devido a um problema de saúde do brasileiro. E, desta vez, a escolha pelo próximo desafiante deverá ser o ex-campeão Dominick Cruz, que voltou à ativa de forma fulminante no UFC 178.

Assunção reiterou sua opinião de que ele deveria ser o próximo a enfrentar Dillashaw, mas mostrou compreender a escolha do UFC. “É difícil dizer que ele não merece. Mas é difícil dizer que eu não mereço, também. Enfim, sei lá. Ele é mais popular? Ele era o campeão. Estou feliz por ele, ele merece. Mas isso não muda o fato de que eu acho que sou o próximo desafiante por conta da minha consistência”, disse o brasileiro, em entrevista ao site da emissora norte-americana “FOX Sports”.

Contudo, Assunção negou ter ficado triste com os recentes acontecimentos. “Eu não diria que estou chateado. É difícil encontrar as palavras certas. Eu não estou chateado, mas somente motivado. Estou me mantendo focado no teste que tenho”, disse, referindo-se à luta que fará com Bryan Caraway no UFC Fight Night 54, neste sábado (4), no Canadá.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments