Hacker diz ter roubado fotos de Miesha Tate nua e tenta vendê-las na internet

Imagenstem sido comercializadas por 350 dólares; Cupcake pode ter se juntado à lista de centenas de celebridades cuja privacidade foi violada

Miesha já teve nudez fotografada, com seu consentimento, pela revista ESPN nos EUA. Foto: Divulgação/ESPN

Miesha já teve nudez fotografada, com seu consentimento, pela revista ESPN nos EUA. Foto: Divulgação/ESPN

Nos últimos meses, o mundo das celebridades tem estado em polvorosa devido ao “Fappening” – como ficou conhecida a série de publicações de fotos e vídeos íntimos de centenas estrelas coletados por meio de uma falha na segurança do sistema operacional IOS, da Apple. Desde o vazamento das fotos da vencedora do Oscar Jennifer Lawrence, diversas atrizes, cantoras e esportistas tiveram sua privacidade exposta na internet. E a próxima vítima pode vir do mundo do MMA: a ex-desafiante ao cinturão do UFC Miesha Tate.

Segundo o site “Business Insider”, dois hackers conhecidos como “realpsamathe” e “Sets Ahoy” “tem tentado comercializar fotos de dezenas de celebridades, entre elas Miesha Tate, pelo preço de US$ 350 (aproximadamente R$ 840) cada no site alemão “Volafile”. A reportagem, no entanto, não informou se a autenticidade das imagens já foi confirmada ou mesmo se o conteúdo segue disponível na rede após sua existência ter vindo à tona.

Aos 28 anos, Miesha Tate tem um cartel profissional de 15 vitórias e cinco derrotas. Ex-campeã do extinto Strikeforce, “Cupcake”, como é conhecida, vem de vitória sobre a japonesa Rin Nakai no último dia 20 de setembro, no UFC Fight Night 52. Atual número dois no ranking oficial do Ultimate, Miesha tem sido alvo de especulações nos últimos dias que a ligam a uma provável luta contra Sara McMann, terceira colocada na listagem da categoria peso galo feminina.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments