Sonnen revela que recebeu oferta milionária para deixar UFC e se mudar ao pro-wrestling

Ex-lutador conta que lhe foram oferecidos US$ 5 milhões para se juntar ao WWE, mas negou a proposta

Sonnen disse que quer enfrentar 'os caras que têm as maiores vitórias', mas não deixou de provocar Wand

C. Sonnen (foto) disse ter recusado oferta milionária de organização de pro-wrestling. Foto: Josh Hedges/UFC

Chael Sonnen revelou ter recusado no passado uma oferta milionária para deixar o UFC e se juntar à organização WWE, a maior do pro-wrestling no planeta. O norte-americano, que recentemente se aposentou do MMA em meio a um escândalo de doping, disse que em momento algum chegou a considerar a proposta ou levá-la ao presidente do UFC, Dana White.

Presidida por Vince McMahon, a WWE (World Wrestling Entertainment) é uma das organizações mais tradicionais do telecatch e atualmente seu plantel conta com o ex-campeão dos pesados do UFC Brock Lesnar. “Vince McMahon me ofereceu US$ 5 milhões. Eu ainda estava sob contrato com o UFC e nunca levei isso até Dana. Eu lidei com isso sozinho. Disse não a eles e esse foi o fim da história. Nunca disse a Dana White essa história, e vou dizer o motivo: eu sabia que, se eu ligasse para Dana e dissesse que recebi uma proposta de US$ 5 milhões, ele teria igualado a proposta”, contou Sonnen, em seu podcast “You’re Welcome”.

O ex-lutador afirmou que o presidete do UFC não é uma pessoa difícil de se negociar como se imagina. “Isso é algo realmente interessante sobre Dana. Se você quer negociar de forma pesada com ele, ele vai fazer isso, mas, se você quiser relaxar e deixar que ele cuide das coisas, vai ser muito melhor para você”, comentou. “Se você quiser negociar, ele vai negociar, como um empresário comum. Se você quiser jogar duro, você vai vencer várias vezes. Dana gosta de dizer ‘sim’”, continuou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments