Processo contra Johnson é retirado e lutador está liberado para voltar a lutar

Norte-americano, terceiro colocado no ranking dos meio-pesados, deverá voltar à ativa no início de 2015

Johnson (foto) não está mais suspenso pelo UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Johnson (foto) não está mais suspenso pelo UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Anthony Johnson, terceiro colocado no ranking oficial dos meio-pesados do UFC, está liberado para voltar a lutar. O norte-americano, que estava afastado temporariamente pela organização devido a um caso de agressão doméstica, viu o processo ser retirado, o que resultou em seu retorno imediato ao Ultimate.

PUBLICIDADE:

Segundo informações divulgadas pelo UFC, a iniciativa pela retirada do processo partiu da própria pessoa que havia acusado o lutador no início do caso. “A pessoa que entrou com a ordem contra Anthony Johnson em setembro retirou a queixa de forma voluntária na semana passada na corte da Flórida. Antes de retirar o caso, o juiz questionou essa pessoa sobre suas intenções e, portanto, decidiu por retirar o processo inteiro”, explicou a organização em comunicado.

“A retirada do caso, junto à investigação independente realizada pelo UFC, traz o fechamento deste assunto para Johnson e o permite voltar ao UFC. Assim, os executivos do UFC estão explorando as opções para que a próxima luta de Johnson aconteça no começo do ano que vem”, continuou.

PUBLICIDADE:

Antes do afastamento do lutador, o presidente do UFC, Dana White, havia revelado que casaria um combate entre Johnson e Alexander Gustafsson. Até o momento, o sueco não tem sua próxima luta agendada, já que Rashad Evans, que era um potencial adversário, pretende ficar mais alguns meses afastado enquanto se recupera de lesão.

[vox id=”26076″]

PUBLICIDADE:

Podcast #41: José Aldo de volta ao topo + Charles do Bronx e Amanda Nunes no UFC 269

Comentários

Deixe um comentário