Ovince St. Preux massacra Shogun em apenas 34 segundos

Brasileiro foi pego com um cruzado logo nos primeiros movimentos da luta principal do UFC Uberlândia e frustrou a torcida mineira

Shogun é nocauteado na luta principal do UFC Uberlândia. Foto: Inovafoto

Shogun é nocauteado na luta principal do UFC Uberlândia. Foto: Inovafoto

Não deu nem para a saída. Mauricio Shogun tentava se recuperar dentro do Utimate, mas Ovince St. Preux não tomou conhecimento de um dos maiores meio-pesados da história e afundou o brasileiro. Em apenas 34 segundos o lutador ascendência haitiana nocauteou o curitibano e calou a torcida tupiniquim. A luta foi a atração principal do UFC Fight Night 56, evento realizado na madrugada deste domingo (09), em Uberlândia, interior de Minas Gerais.

VEJA: Assista ao vídeo da luta entre Shogun x St. Preux

A luta

Mauricio Shogun chegou a Uberlândia como principal atração do evento. Ex-campeão dos meio-pesados, o brasileiro tentava se reencontrar na divisão, já que vinha de três derrotas em quatro lutas. Durante a semana de promoção do combate, Shogun prometeu ir em busca do nocaute, mas foi justamente por sua agressividade que foi pego no contragolpe.

Logo nos primeiros movimentos do duelo, Shogun andou para frente soltando golpes de boxe. Mas sabido no poder de nocaute do brasileiro, Ovince St. Preux se esquivou lateralmente e conectou um cruzado de esquerda. Mauricio sentiu e foi ao solo.

A partir dai vários socos foram acertados no rosto do brasileiro até o árbitro decretar o nocaute técnico, calando o ginásio no Triângulo Mineiro.

LEIAMonstro atropela e Thominhas brilha no card preliminar

Warlley começa bem, cansa e passa sufoco no final

Campeão do TUF Brasil 3, Warlley Alves sofreu diante Alan Jouban. O lutador mineiro começou com tudo, conectou uma sequência de golpes, derrubou o rival e esteve perto da finalização com uma guilhotina em menos de 30 segundos de luta. Porém, o norte-americano fez valer seu queixo de granito, resistiu o castigo e se manteve na luta. A partir deste momento e do início avassalador o brasileiro cansou.

No final do primeiro round, Jouban já conectava os melhores golpes e Warlley não conseguia acertar em suas investidas. No segundo assalto, o ritmo da luta diminuiu. Alves tentou derrubar Jouban para se recuperar, mas não conseguiu manter o rival por muito tempo no solo. Na volta para a disputa em pé, o norte-americano acertou alguns golpes, enquanto Warlley já demonstrava ainda mais cansaço.

O terceiro round o brasileiro voltou mais agressivo, mas acabou recebendo um chute baixo. Com tempo para se recuperar, ele conseguiu descansar um pouco mais e voltar mais agressivo. Jouban também buscava o ataque, e acertava na curta distância. Nos minutos finais, Alves voltou a sentir o cansaço e o norte-americano foi para o ataque e colocou o campeão do TUF Brasil em situações complicadas até o gongo soar.

Ao final de 15 minutos, vitória de Warlley Alves na decisão unânime dos juízes com um triplo 29×28.

Confira abaixo os resultados do UFC Fight Night 56, em Uberlândia:

CARD PRINCIPAL

Peso meio-pesado (até 93 kg): Ovince St. Preux derrotou Maurício Shogun por nocaute no R1;

Peso meio-médio (até 77,1 kg): Warlley Alves derrotou Alan Jouban na decisão unânime dos juízes;

Peso meio-médio (até 77,1 kg): Cláudio Hannibal derrotou Leon Edwards na decisão dividida dos juízes;

Peso palha (até 52 kg): Juliana Lima derrotou Nina Ansaroff na decisão unânime dos juízes;.

Peso meio-médio (até 77,1 kg): Dhiego Lima derrotou Jorge Blade na decisão unânime dos juízes;

CARD PRELIMINAR

Peso pena (até 66 kg): Diego Rivas derrotou Rodolfo Rubio na decisão unânime dos juízes;

Peso médio (até 84 kg): Caio Monstro derrotou Trevor Smith por nocaute no R1;

Peso leve (até 70,3 kg): Leandro Buscapé finalizou Charlie Brenneman com um mata-leão no R1;

Peso galo (até 61,2 kg): Thomas Almeida derrotou Tim Gorman na decisão unânime dos juízes;

Peso meio-médio (até 77,1 kg):  Colby Covington finalizou Wagnão Silva com um mata-leão no R3;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments