Ex-colega diz que Jon Jones atirava rivais pela janela em brigas na faculdade

Colby Convington, que dividia o quarto com o lutador, revelou que campeão do UFC tinha um mal temperamento

O próximo desafiante ao cinturão de J. Jones (foto) deve ser conhecido nesta quinta. Foto: Josh Hedges/UFC

J. Jones (foto) resolvia suas brigas de uma forma bem peculiar na universidade. Foto: Josh Hedges/UFC

Hoje em dia, Jon Jones é o melhor lutador de MMA do planeta segundo o ranking oficial do UFC e é temido por seus adversários por seus socos, chutes e, especialmente, cotoveladas. Mas houve um tempo no passado em que “Bones” intimidava seus oponentes de outra habilidade bem menos ortodoxa: o hábito de atirar seus rivais pela janela durante brigas na faculdade. A inusitada revelação foi feita por um ex-colega de quarto do campeão dos meio-pesados na “Iowa Central Community College”.

“Nós nos metíamos em muita confusão. Quando você está em uma cidade pequena de Iowa, muitos dos rapazes são da fazenda e eles sempre querem começar alguma coisa com os wrestlers e eu e Jones éramos campeões nacionais, então eles sempre estavam tentando arrumar brigas nas festas no dormitório e coisas do tipo. Nós só limpávamos o lugar de um bando de townies (pessoas que moram na cidade das Universidades, mas não possuem qualquer ligação com a mesma). Especialmente o Jon. Ele vivia jogando as pessoas pela janela. Era uma loucura. Ele tinha um mal temperamento. Quando ficava furioso, ele ficava realmente furioso”, disse o ex-companheiro de quarto, Colby Covington, ao podcast “MMA Roasted”.

Aparentemente, a “experiência” de Jon Jones na época universitária lhe serviu recentemente, quando em um evento promocional em Las Vegas (EUA) o campeão atirou o desafiante Daniel Cormier do palco montado no MGM Grand Garden. Agora, Jones e Cormier se enfrentam no octógono, no dia 3 de janeiro de 2015, na luta principal do UFC 182.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments