Chris Weidman polemiza ao comentar sobre luta contra Bruno Blindado: ‘proteja-se sempre’

Norte-americano evita se solidarizar com adversário e aconselha brasileiro a 'não se jogar' sem interferência do árbitro oficial

Chris Weidman (dir) derrotou B. Blindado (esq). Foto: Reprodução/Twitter

Protagonista de vitória polêmica no UFC Atlantic City, Chris Weidman abriu o jogo e comentou sobre episódio em que atingiu os dedos nos olhos de Bruno Blindado. Em postura sincera, o norte-americano evitou se solidarizar com seu adversário e mandou recado ao brasileiro, sugerindo que ‘não se jogue no solo’ sem a interferência do árbitro durante o confronto.

“Eu nunca duvido de um cara que afirma ter tido os olhos atingidos por um dedo. Mas você não pode simplesmente cair toda hora que sente algo encostar em seu olho. Ele encostou no meu olho, de maneira dolorosa, uma hora e me mantive lá. A não ser que o árbitro diga algo, eu não me jogo”, declarou Weidman em coletiva de imprensa após a luta.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Manon Fiorot Erin Blanchfield UFC Atlantic City Twitter UFC News
VÍDEO: Confira o lance que gerou revolta na luta entre Weidman e Blindado no UFC Atlantic City. Foto: Reprodução/Twitter
Lutador com passagem pela polícia é massacrado e nocauteado no UFC Atlantic City. Foto: Reprodução/Twitter UFC

Ao seguir com fala, o ex-campeão dos médios (até 83,9kg.) amenizou culpa pelo ocorrido e declarou que a defesa deve estar alta a todo momento.

“Venho de uma base no wrestling e você não pode olhar para o árbitro, eles não vão te ajudar. Você tem que estar sempre pronto e se protegendo a todo momento. Ele caiu de novo, não sei, talvez procurando por uma válvula de escape. Você não pode se virar e se jogar no chão toda hora que algo encostar em seu olho”, concluiu.

PUBLICIDADE:

Duelo entre Bruno Blindado (esq) e Chris Weidman (dir). Foto: Reprodução/Instagram @ufceurasia

No terceiro round da luta, Chris Weidman repetiu novamente golpe ilegal, mas desta vez Bruno Blindado não resistiu e foi ao solo por não aguentar a dor sentida em seu olho. Sem hesitar, o norte-americano aproveitou oportunidade de desferiu sequência de socos, obrigando o árbitro a interromper combate.

PUBLICIDADE:

Apesar da comissão de juízes ter assistido ao replay do momento polêmico, o resultado se manteve positivo a Weidman, porém alterado oficialmente para ‘decisão unânime’, já que o atleta estava ganhando nas papeletas até o ocorrido.

Leia Mais sobre: , , , , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88