Faber expressa admiração por Barão e Aldo, mas critica Cruz: ‘Esse cara é um idiota’

Norte-americano espera fazer mais uma luta contra seu antigo rival, com quem já mediu forças por duas vezes

U. Faber (foto) aposta no amigo Mendes contra Aldo. Foto: Josh Hedges/UFC

U. Faber (foto) espera concluir trilogia contra Cruz. Foto: Josh Hedges/UFC

Um dos grandes astros da divisão dos galos do UFC, Urijah Faber vive em uma espécie de “limbo” no atual momento de sua carreira. Terceiro colocado no ranking oficial de sua categoria, o norte-americano está longe de uma disputa de cinturão, já que o atual campeão, TJ Dillashaw, é seu companheiro de treinos na equipe Alpha Male. No entanto, Faber tem pelo menos um plano que deseja cumprir antes de pendurar as luvas: ele quer enfrentar mais uma vez seu antigo desafeto Dominick Cruz.

Veja Também

Assista à pesagem do UFC 181, que contará com duas disputas de cinturão
Chael Sonnen critica postura de Tim Kennedy, que rebate: ‘Criminoso anabolizado’
Acordo de seis anos com a Reebok rendeu US$ 70 milhões ao UFC, revela jornal

Faber e Cruz já se enfrentaram por duas vezes, com uma vitória para cada lado. O “Califórnia Kid” afirmou nutrir um sentimento pelo compatriota que é bem diferente do que possui em relação a outros velhos conhecidos. “Esse [Cruz] é um cara de quem eu não gosto. José Aldo e Renan Barão são caras legais, mas Cruz é um idiota. Eu gostaria de colocar meu punho em seu queixo pelo menos mais uma vez antes de eu me aposentar”, disse Faber, em entrevista ao “SporTV”.

O norte-americano, que já foi derrotado três vezes por atletas da Nova União (duas contra Barão e uma contra Aldo) disse admirar os lutadores brasileiros, embora reconheça que a rivalidade entre a academia carioca e a norte-americana será duradoura. “Particularmente, eu gosto muito dos lutadores da Nova União e do treinador, André Pederneiras. Mas nós temos uma rivalidade muito saudável e competitiva. Sei que alguns dos meus caras não gostam de alguns dos caras de lá e vice-versa, mas nós teremos essa rivalidade porque somos dois dos melhores times do mundo”, concluiu.

Faber retorna ao octógono do UFC neste fim de semana, no UFC 181, quando enfrentará Francisco Rivera na última luta do card preliminar da atração.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments