Após anunciar aposentadoria, ex-lutador do UFC narra tentativa de assassinato na prisão: ‘Eu iria morrer’

Matt Brown relembra história tenebrosa na prisão quando foi preso; ele saiu, seguiu caminho de sucesso e fez história no UFC

M. Brown após nocautear D. Lima no UFC Las Vegas 29. Foto: Reprodução/Instagram

M. Brown após nocautear D. Lima no UFC Las Vegas 29. Foto: Reprodução/Instagram

Antes de se tornar um lutador respeitado no UFC, com o recorde de mais nocautes na divisão dos meio-médios (até 77kg.), Matt Brown enfrentou batalhas bem mais sérias do que as dentro do octógono. Em entrevista ao ‘The Fighter vs. The Writer’, o lutador relembrou um episódio turbulento de sua juventude, quando passou seis meses preso em Green County, nos Estados Unidos.

Chegando com a intenção de impor respeito desde o início, Brown se meteu em uma confusão na cantina da prisão. Ao se recusar a servir comida para um detento de aparência intimidadora, esperava uma retaliação imediata. Mas a reação passiva do homem o deixou confuso.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Conor McGregor se rebela contra dieta e brinda retorno ao UFC com cerveja. Foto: Reprodução/YouTube/bloodyelbow
Amanda Lemos Virna Jandiroba montagem
Mike Tyson é lenda do boxe. Foto: Reprodução/Instagram/MikeTyson

Sem confronto físico, a tensão aumentou quando Brown descobriu, através de outro detento, a real situação. O homem que ele provocou era um dos mais temidos da prisão e cumpria pena há anos sem intenção de deixar o cárcere, onde construiu uma espécie de vida paralela.

“Esse cara era quase um chefe de presídio. A maioria das pessoas provavelmente não sabe o que isso significa. Significa que ele é casado com homens na prisão e não quer sair. Toda a sua vida está na prisão. Alguém, então, me disse que ele me esfaquearia enquanto eu dormia, pois ele não se importava de estar na prisão. Recebi como um conselho para não dormir a noite”, relembrou o lutador.

PUBLICIDADE:

Antes do glamour do UFC…

Aterrorizado com a possibilidade de ser esfaqueado, Matt, que posteriormente viria a ser lutador e fazer história no UFC, passou noites em claro. A tensão só aliviou quando conseguiu ser transferido de pavilhão. Mesmo sem ter sido ferido, o incidente o marcou. O lutador reconhece que sua atitude agressiva, decorrente do ambiente em que cresceu, por pouco não teve consequências trágicas.

PUBLICIDADE:

“Sempre tive essa mentalidade. Quando entro em um novo lugar, tenho que deixar as pessoas saberem.  Quando eu era jovem, se eu fosse a uma festa, geralmente tentava implicar com o cara maior de lá. A cultura em que cresci era simplesmente diferente. Era isso que fazíamos, lutávamos”, acrescentou o norte-americano.

Aos 43 anos, Matt Brown anunciou recentemente o fim da sua carreira no MMA. Profissional desde 2005, o norte-americano passou pelo The Ultimate Fighter e chegou à organização em 2008, tendo ficado 16 anos. Em sua carreira, foram 24 resultados positivos e 19 negativos.

Leia Mais sobre: , , ,


Confira todos os resultados do UFC Las Vegas 92 Resultados do UFC St. Louis Resultados do UFC 301 Resultados do UFC Las Vegas 91 Resultados do UFC 300