Adversário do 'Dragão' Lyoto, CB Dollaway carrega símbolo do rival nas costas | SUPER LUTAS

Adversário do ‘Dragão’ Lyoto, CB Dollaway carrega símbolo do rival nas costas

Diante da ‘maior luta de sua carreira’, norte-americano confia que, em caso de vitória, será escolhido para disputar o cinturão

CB Dollaway 3

Única tatuagem de Dollaway é um dragão, apelido de seu adversário Machida. Foto: Lucas Carrano/SUPER LUTAS

Pode-se dizer que o UFC Barueri, que será realizado no próximo sábado (20), no ginásio José Corrêa, verá na luta principal um duelo de dragões. Isso porque Lyoto “The Dragon” Machida, ex-campeão dos meio-pesados do UFC, medirá forças no octógono contra CB Dollaway, que, curiosamente, tem um dragão como sua única tatuagem.

Veja Também

Em entrevista coletiva nos preparativos para o evento, o norte-americano, que, ao contrário de alguns outros lutadores, é discreto com relação a tatuagens, explicou o desenho que carrega em seu ombro direito. “Eu só tenho uma tatuagem, que fiz a muito tempo, e por coincidência é um dragão. Nem me lembro em qual ombro está”, disse.

O foco de Dollaway está todo voltado ao combate de sábado, no qual acredita que, em caso de vitória, poderá se credenciar a disputar o cinturão dos médios. “Eu não vejo por que [uma vitória] não me colocaria como próximo desafiante. Ele fez uma grande luta contra Chris Weidman e é um ex-campeão. Tive algumas vitórias contra lutadores do top 10 e, apesar do roubo da luta contra Tim Boetsch, era para eu estar em uma sequência de cinco vitórias”, comentou.

“É o maior desafio, a maior luta da minha carreira. Ele não é luta fácil para ninguém, especialmente sendo no Brasil – eu não acho que qualquer um aceitaria esse desafio, mas eu me apresentei e vim. Se eu vencer a luta, devo ser recompensado por isso”, continuou o lutador, que já lutou duas vezes no Brasil e venceu, contra Cezar Mutante e Daniel Sarafian.

Dollaway garantiu que fez de tudo para se preparar para o estilo único de Lyoto e confia que o combate irá agradar ao público presente no ginásio. “Houve um treinamento diferente para Lyoto e por ser uma luta de cinco rounds. Obviamente, ele é um cara difícil de se enfrentar, é um quebra-cabeças que precisa ser solucionado. Mas tenho um dos melhores técnicos de trocação e uma das melhores equipes, então estou com uma boa estratégia. Quero chegar lá e proporcionar uma luta empolgante. Os fãs vão gostar”, contou.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments