Cormier chora em coletiva e garante: ‘Tive que me reconstruir várias vezes’

Derrotado por Jon Jones, DC não conseguiu segurar emoção e campeão menospreza choro de rival

D. Cormier (foto) chorou na sala de imprensa após derrota para J. Jones

D. Cormier (foto) chorou na sala de imprensa após derrota para J. Jones

O norte-americano Jon Jones foi o grande vencedor do UFC 182, evento realizado na madrugada deste domingo (04), em Las Vegas. O campeão dos meio-pesados derrotou seu desafeto Daniel Cormier e defendeu seu título pela oitava vez. Porém, do outro lado do duelo, DC não conseguia conter a emoção.

Veja Também

Cormier, que conheceu sua primeira derrota como profissional, reconheceu os méritos de Jones e chorou durante a coletiva de imprensa após a luta.

PUBLICIDADE:

“Eu tive que me reconstruir várias vezes. Isso é algo que as pessoas não podem nem imaginar”, afirmou, Daniel com lágrimas no rosto. “Não achei meu ritmo esta noite. Jon é o melhor por uma razão e ele foi o melhor lutador desta noite”, completou.

Entre as reconstruções citadas por Cormier pode-se  lembrar da perda da medalha nos Jogos Olímpicos de 2004, em Atenas – ele ficou em quarto lugar no wrestler -, e ter ficado de fora de última hora da Olimpíada de 2008, em Pequim.

PUBLICIDADE:

Jones menospreza choro

Apesar de Cormier reconhecer seus méritos com lágrimas no rosto, o campeão Jon Jones pareceu não se comover com o fato. Questionado por um jornalista sobre o que ele sentia, ‘Bones’ foi enfático.

Não sinto pena dele, é um esporte de combate. Se ele tivesse ganhado, estaria falando besteira aqui. Isso não muda o que sinto por ele”, afirmou o campeão.

PUBLICIDADE:

Galeria de fotos do UFC 182:

[vox id=”28432″]

Leia Mais sobre: , ,


Comentários

Deixe um comentário

Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88 Resultados do UFC 299