‘Terror dos brasileiros’, Weidman brinca: ‘Provavelmente eu venceria até o Pelé no futebol’

Campeão dos médios relatou também episódio divertido vivido com o rival Ronaldo Jacaré durante encontro em Nova York

C. Weidman (foto) vem de quatro lutas consecutivas contra brasileiros. Foto: Reprodução

C. Weidman (foto) vem de quatro lutas consecutivas contra brasileiros. Foto: Reprodução

Invicto no MMA em 13 lutas, Chris Weidman passou por lutadores do Brasil em quase metade de suas lutas profissionais – em seis oportunidades. Por isso, o campeão dos médios acabou se tornando o “Carrasco dos brasileiros” no UFC. Sobre a fama de algoz tupiniquim, Weidman até fez piada e disse que pretende estender sua hegemonia a outras modalidades, como o futebol.

Veja Também

Werdum fará remake de filme de Van Damme com St. Pierre e Gina Carano
Aldo divulga raio-x da costela e critica decisão do UFC: ‘Se vencer, McGregor terá cinturão de brinquedo’
Anderson Silva segue treinando duro e reflete: ‘O que aconteceu de ruim assimilei e descartei’

Durante entrevista ao programa “Off the record”, Weidman foi perguntado se o “Rei do Futebol” Pelé seria seu próximo alvo entre os brasileiros. “O Pelé? Claro, eu aceito, cara! Qualquer um que as pessoas pensem que possa me bater, eu estou dentro. Eu provavelmente venceria até o Pelé no futebol. Eu venço os brasileiros em tudo!”, disparou o norte-americano.

Além disso, Weidman revelou que tem recebido desafios de outro rival do Brasil: Ronaldo Jacaré. Segundo Weidman, antes do evento de lançamento dos novos uniformes do UFC e da Reebok em Nova York (EUA), nesta terça-feira (30), Jacaré o encontrou durante o café da manhã. “Ele se sentou perto de mim, começou a se aproximar e ficou passando aquela orelha de couve-flor em mim. Eu pensei: ‘O que esse cara está fazendo? Eu só estou tentando tomar meu café, aproveitar meu cinturão e esses brasileiros ficam no meu pé’. Mas aí eu deixei pra lá”, relatou.

Após quatro lutas valendo o cinturão consecutivas contra brasileiros (Anderson Silva duas vezes, Lyoto Machida e Vitor Belfort), Chris Weidman finalmente terá um adversário de outra nacionalidade pela frente. O norte-americano campeão dos médios colocará seu título em jogo contra o compatriota Luke Rockhold, em duelo ainda sem data oficial para acontecer.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments