Recente vítima de McGregor dá conselho a Mendes: ‘Não lute contra a pessoa’

Derrotado pelo irlandês em setembro do ano passado, Dustin Poirier reconhece que rival ‘entrou em sua cabeça’ com provocações

 

Poirier (esq.) enfrentou McGregor (dir.) em setembro do ano passado. Foto: Divulgação/UFC

Poirier (esq.) enfrentou McGregor (dir.) em setembro do ano passado. Foto: Divulgação/UFC

Dustin Poirier, que foi derrotado por Conor McGregor em setembro do ano passado, aconselhou Chad Mendes a não encarar a luta contra o irlandês, neste sábado (11), como uma questão pessoal.

Poirier enfrentou McGregor no UFC 178, em combate repleto de rivalidade e provocações dos dois lados. Dentro do octógono, no entanto, o “Notório” venceu rapidamente, obtendo um nocaute técnico em pouco menos de dois minutos.

Veja Também

Vídeo: antes de Mendes x McGregor, confira cinco curiosidades sobre o UFC 189
Vídeo: Antes do UFC 189, confira 5 curiosidades sobre Conor McGregor
Mendes defende Aldo de críticas após lesão na costela: ‘Está fora do nosso controle’

O norte-americano reconheceu que um de seus erros naquela ocasião foi ter dado atenção demais à personalidade de McGregor, deixando em segundo plano suas habilidades como lutador. “Quando nós lutamos, durante a preparação para o combate, eu achei que ele não estava entrando na minha cabeça. Mas talvez ele tenha entrado. Olhando agora, eu queria machucá-lo e ficava bravo o tempo inteiro. Eu não conheço Chad pessoalmente, mas talvez ele esteja pensando o mesmo que eu pensava. ‘Ah, esse cara não está entrando na minha cabeça. Estou pronto para detonar’, mas ele pode pensar diferente no futuro. Vamos ver”, comentou Poirier, em entrevista ao site norte-americano “MMA Fighting”.

Assim, Poirier deu um conselho a Mendes para a luta. “Não lute contra a pessoa. Eu sou um cara que pensa bastante e já revi aquela luta várias e várias vezes na minha cabeça. Várias vezes eu me via bravo com ele, mas eu não estava lutando contra quem ele era, mas sim contra seu estilo, contra as coisas que ele faz no octógono. Você não luta contra a falação ou aquela coisa toda. Seria diferente se lutássemos de novo”, acrescentou.

Mesmo assim, Poirier considera que Mendes é o favorito a vencer a luta. “Acho que Chad vai vencer na decisão. Conor tem ótimo reflexo, reações e timing, mas ele abre muitas brechas. Mendes tem uma mão direita boa e, se eu consegui tocá-lo, se [Dennis] Siver conseguiu tocá-lo, Mendes também conseguirá. Ele vai encurtar a distância, pressionar, acertar sua mão direita e colocá-lo de costas no chão. Não dá para saber o quão difícil é enfrentar um wrestler daquele nível, e não acho que Conor saiba”, concluiu.

A luta entre Conor McGregor e Chad Mendes será a atração principal do UFC 189, na cidade de Las Vegas (EUA). O combate colocará em jogo o cinturão interino da divisão dos penas, já que José Aldo, o campeão linear, não pôde participar do evento por lesão.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments