Fãs abrem processo coletivo e acusam Mayweather x Pacquiao de fraude

Torcedores acusam filipino de atuar deliberadamente lesionado e prejudicar o desenrolar do combate

Pacquiao (dir.) e Mayweather (esq.) se enfrentaram em 2/5. Foto: Getty Images

Pacquiao (dir.) e Mayweather (esq.) se enfrentaram em 2/5. Foto: Getty Images

Realizada há a três meses, a “Luta do século” no boxe entre Floyd Mayweather Jr. e Manny Pacquiao segue dando o que falar. Alguns fãs, inconformados com o desfecho do combate, abriram um processo coletivo e querem receber uma indenização dos organizadores do confronto.

Veja Também

Após voltar aos ringues com vitória, Popó lança desafio a Manny Pacquiao
Ronaldo Jacaré encara Yoel Romero no mesmo card de Aldo x McGregor
Lutador do UFC, Antônio Braga Neto é preso após confusão em casa de shows

A ação coletiva, que reúne 32 processos, foi aprovada na última semana e cobra, entre outras coisas, um ressarcimento por parte de Manny Pacquiao e seus promotores, que, segundo as acusações, omitiram o fato de que o filipino chegou ao combate lesionado e fora de suas condições físicas ideais.

Mas o protesto não é contra somente o filipino. O processo ainda inclui uma denúncia contra Floyd Mayweather, que teria aceitado enfrentar um atleta contundido. Logo após o confronto, Pacquiao anunciou que estava com uma lesão no ombro e inclusive passou por uma cirurgia no local.

O duelo entre Floyd Mayweather e Manny Pacquiao, um dos confrontos mais aguardados da história recente do boxe, e realizado em maio deste ano, foi até hoje a luta mais lucrativa dos esportes de combate. Com mais de 4,4 milhões de pacotes pay-per-view comercializados, quase duas vezes mais que o antigo recorde, a “Luta do Século” garantiu cerca de 700 milhões de reais para Mayweather e 350 milhões para Pacquiao.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments