Campeões do UFC homenageiam Minotauro: ‘Obrigado’

Fabrício Werdum, Rafael dos Anjos e Júnior Cigano estão entre os lutadores que mandaram seu recado ao recém aposentado atleta

Werdum (esq) mandou sua homenagem a Minotauro (dir). Foto: UFC/Divulgação

Werdum (esq) mandou sua homenagem a Minotauro (dir). Foto: UFC/Divulgação

A recém anunciada aposentadoria de Rodrigo Minotauro do MMA já repercutiu entre os demais lutadores. O veterano, que oficialmente pendurou as luvas nesta terça-feira (1º), recebeu diversas homenagens nas redes sociais, inclusive de lutadores com quem já dividiu ringues e octógono.

Veja Também

Minotauro anuncia aposentadoria e assume cargo no UFC Brasil
Técnica, superação e determinação: a trajetória de Minotauro

Um deles é Fabrício Werdum. Atual campeão dos pesados do UFC, o gaúcho já enfrentou Minotauro por duas vezes, perdendo uma no PRIDE e levando a melhor na revanche, em 2013. “Vai Cavalo” deixou a rivalidade de lado e mandou uma mensagem bastante amigável a Minotauro. “Hoje é um dia muito especial para todos os fãs do verdadeiro Vale-Tudo. É o dia em que Minotauro se aposentou. Mas ele sempre continuará ajudando nosso esporte. Minotauro, não sou ‘frutili’, pero te quiero”, brincou o campeão.

Rafael dos Anjos, detentor do cinturão dos leves, também mandou seu recado a Minotauro. “Muito respeito por esse cara! Rodrigo Minotauro, muito obrigado por tudo. Uma verdadeira lenda”, escreveu.

Júnior Cigano, ex-campeão dos pesados do UFC, agradeceu a todo o auxílio que Minotauro lhe deu ao longo da carreira. “Hoje o maior guerreiro que esse esporte já conheceu está se aposentando, e a única coisa que posso fazer é agradecer, pois esse cara foi o grande exemplo que me levou a superar meus limites e me tornar um vencedor. Então, obrigado, Rodrigo Minotauro”, afirmou.

Quem também expressou sua admiração a Minotauro foi o presidente do UFC, Dana White. “Big Nog é uma lenda no esporte chamado MMA. Foi uma honra vê-lo competir e fico feliz em vê-lo se aposentar”, declarou.

Minotauro se aposentou do MMA aos 39 anos de idade. Tendo em seu currículo títulos no RINGS, PRIDE e UFC, o baiano deixou o esporte com um cartel de 34 vitórias, dez derrotas, um empate e uma luta sem resultado.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments