Barboza aposta em Dos Anjos, mas ‘torce’ por Cerrone visando revanche

Brasileiro, derrotado pelo Cowboy no ano passado, demonstrou interesse em enfrentá-lo novamente, mas desta vez valendo o título

E. Barboza (foto) vem de vitória sobre P. Felder em julho. Foto: Jeff Bottari/UFC

E. Barboza (foto) vem de vitória sobre P. Felder em julho. Foto: Jeff Bottari/UFC

No dia 19 de dezembro, o brasileiro Rafael dos Anjos coloca o cinturão dos leves em jogo pela primeira vez diante do desafiante norte-americano Donald Cerrone. Apesar de contar com a aposta de Edson Barboza, no entanto, Rafael não terá a torcida do compatriota, que disse sonhar com uma revanche contra Cerrone, por quem foi derrotado no ano passado, especialmente se a luta for válida pelo título.

Veja Também

UFC define Amanda Nunes x Miesha Tate para dezembro
Assista a pesagem oficial do UFC 191, com Johnson e Dodson. Ao vivo!
Demian Maia encara Gunnar Nelson no UFC 194
Destaques nos penas, Holloway e Stephens se enfrentam no UFC 194

“Acho que a luta do Rafael com o Cerrone vai ser um lutão, mas acho que o Rafael tem uma vantagem. A gente viu o que aconteceu na primeira luta entre os dois”, disse Barboza, em entrevista ao site “Sexto Round”. “Seria interessante, lógico (lutar com o Rafael dos Anjos). Sou brasileiro, torço para termos o máximo possível de cinturões no Brasil, mas acho que se o Cerrone estivesse com o cinturão seria melhor ainda. Eu espero lutar com ele de novo e ele sendo campeão, não tem muita chance de correr.(…) Se mandassem eu escolher uma luta agora, você pode ter certeza que seria contra ele. Aquela luta, conforme o tempo fosse passando, ficaria pior ainda pro lado dele. Se Deus me der uma oportunidade, vou mostrar que aquele resultado não foi verdade. Lógico, ele ganhou, mas, sem dúvida alguma, sou melhor do que ele”, completou.

Apesar de sonhar com o tira-teima contra o “Cowboy”, o peso leve brasileiro não quer ficar inativo enquanto aguarda pela chance e já tem em mente quem quer enfrentar em sua próxima luta: o ex-campeão Anthony Pettis. “Particularmente, pedi uma luta com o Pettis porque, das pessoas que estão na minha frente, é o único que está disponível. O Eddie Alvarez é um amigo meu, cara, a gente já treinou junto por muito tempo e, provavelmente, ele vai voltar para a nossa academia e a gente vai voltar a treinar juntos, então, ficaria difícil de lutar com ele. Eu quero é lutar. O foco não é total nele (Pettis), não. Lógico, prefiro lutar com alguém que esteja na minha frente no ranking, mas lutaria com qualquer um. Quero lutar ainda esse ano, em novembro ou dezembro”, garantiu.

Aos 29 anos, Edson Barboza tem um cartel profissional no MMA de 16 vitórias e três derrotas. Natural de Nova Friburgo (RJ), o especialista em muay thai vem de vitória sobre Paul Felder no último dia 25 de julho, em combate que acabou premiado com o bônus de “Luta da Noite” no UFC on FOX 16.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments