Anderson Silva diz que voltará ao UFC contra Bisping em Curitiba

Segundo o Spider, duelo acontecerá em abril de 2016, na possível estreia do octógono na capital paranaense

Sempre que pode, seja patrocinado ou não, Anderson dá preferência por materiais da marca Nike. Foto: Josh Hedges/UFC

Anderson (foto) disse que volta ao octógono no Brasil. Foto: Josh Hedges/UFC

Mesmo com 40 anos e cumprindo suspensão por um ano pela Comissão Atlética de Nevada após ter sido flagrado em dois exames antidoping antes e depois da luta contra Nick Diaz em janeiro deste ano, o ex-campeão Anderson Silva não pensa em parar de lutar. Na verdade, muito pelo contrário, o Spider já até “entregou” quando vai acontecer sua volta ao octógono, segundo ele em um duelo contra o britânico Michael Bisping na cidade de Curitiba (PR).

Veja Também

Mousasi mira vencer Hall e desafiar Belfort ou Anderson
Fedor ganhará quase R$ 10 milhões para lutar no Japão
Jornalista ‘finaliza’ Ronda e leva bronca da campeã por segurar mata-leão

“Devo lutar em Curitiba em abril, no mesmo card de Fabrício Werdum x Cain Velásquez. Acho que meu oponente será Michael Bisping. Não me lembro direito. Acho que é ele…”, disse Anderson, que participou de um evento do Ultimate na Repúblico do Daguestão (Rússia).

As informações de Anderson, tanto de que ele lutará contra Bisping quanto que o UFC fará sua estreia em Curitiba em abril, ainda por cima com a primeira defesa de cinturão de Fabrício Werdum, não foram comentadas pela organização do Ultimate e, portanto, não são oficiais.

Um hipotético duelo entre Anderson Silva, cujo cartel profissional é de 33 vitórias, seis derrotas e uma luta sem resultado, e Michael Bisping, que tem um retrospecto de 27 vitórias e 7 derrotas e luta marcada contra Robert Whitaker no próximo dia 14 de novembro, já vinha sendo comentada desde que o brasileiro ainda era campeão dos médios. Anderson, aliás, tem uma forte ligação com a cidade de Curitiba, onde cresceu e formou-se nas artes marciais, fazendo parte da histórica equipe Chute Boxe.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments