José Aldo descarta aposentadoria até revanche contra McGregor

Após ser nocauteado em 13 segundos pelo irlandês, o brasileiro quer vingança e o cinturão dos penas de volta

Aldo (foto) perdeu para McGregor em dezembro de 2015. Foto: Josh Hedges/UFC

Aldo (foto) perdeu para McGregor em dezembro de 2015. Foto: Josh Hedges/UFC

Embora esteja com compromisso marcado para o próximo sábado (9) contra Frankie Edgar, José Aldo não deixa de pensar em seu algoz, Conor McGregor.

Durante a coletiva de imprensa do UFC 200 realizada no Rio de Janeiro, José Aldo, como sempre, foi alvo de inúmeras perguntas, principalmente sobre o irlandês. Questionado sobre a possibilidade de enfrentá-lo novamente, o atleta da Nova União não hesitou e manifestou o interesse, afirmando que faria a revanche até mesmo na rua.

“A gente pega ele na rua. De qualquer jeito, a gente vai lutar. Que se f***”, afirmou.

Veja Também

José Aldo rebate críticas de Frankie Edgar: ‘Ele que se f***’
Aldo se dispõe a subir de peso se necessário para revanche com McGregor

Quando questionado sobre a possibilidade de se aposentar sem enfrentar Conor novamente, Aldo, rindo, afirmou que enquanto o irlandês continuar no Ultimate, essa luta acontecerá, mesmo que ele não volte para a categoria dos penas.

“De jeito nenhum. Só se ele parar de lutar. Enquanto ele estiver no UFC, essa luta vai acontecer. Isso é um fato. Nós vamos pegar o cinturão de novo e eu serei o campeão de novo”, afirmou.

José Aldo enfrentará Frankie Edgar em uma revanche entre ambos pela disputa do cinturão interino dos penas no UFC 200 do próximo sábado (9). No primeiro confronto entre ambos, o brasileiro então campeão dos penas levou a melhor sobre o norte-americano no UFC 156, onde saiu com a vitória por decisão unânime dos juízes.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments