Brasileiro que emula McGregor vê Alvarez com mais chances que Aldo

Bilharinho, que já havia participado do camp de José Aldo para enfrentar McGregor, diz que Alvarez tem mais armas que Aldo

Bilharinho (esq) está ajudando E.Alvarez (dir) no camp para o UFC 205. (Foto: Divulgação / Arquivo Pessoal)

Bilharinho (esq) está ajudando E.Alvarez (dir) no camp para o UFC 205. (Foto: Divulgação / Arquivo Pessoal)

O lutador brasileiro Jonas Bilharinho, destaque no cenário nacional do MMA, está sendo um dos principais responsáveis em ajudar Eddie Alvarez durante sua preparação para o combate contra Conor McGregor, no UFC 205, dia 12 de novembro, em Nova York. Com características físicas que se assemelham ao irlandês, Bilharinho já havia participado do camp de José Aldo, que enfrentou McGregor em dezembro passado, no UFC 194, quando foi nocauteado em apenas 13 segundos.

Veja Também

Alvarez desdenha de McGregor: “Tem apenas uma mão esquerda potente”
Alvarez planeja bater McGregor e se tornar o maior peso leve da história
Após novo título no Jungle, Bilharinho mira acordo com UFC: ‘Se precisasse, lutaria lá na semana que vem’

Em entrevista ao site “PVT”, Jonas comentou as semelhanças entre as duas preparações em que participou e garantiu que Alvarez possui mais armas que Aldo para derrotar Conor na hora da luta.

“O Aldo por definição é um striker. A partir daí o Eddie Alvarez tem mais chances do que ele. O Eddie Alvarez também é striker, mas ele tem uma base na luta de solo, na luta agarrada absurda, e isso coloca outro striker, que no caso é o McGregor, em dúvida. Para mim foi assim que o Tyron Woodley chegou a ser campeão dos meio-médios. Ele tem a mão pesada, é um striker polido, mas o principal poder dele é a dúvida. Ninguém sabe se ele está vindo para botar para baixo e bater, o que ele faz muito bem, ou se ele está vindo para trocar de forma direta e tentar nocautear, o que ele também faz muito bem. Então eu acho que o Eddie Alvarez é uma arma muito melhor para ganhar do McGregor do que o Aldo, e para mim a principal diferença está na parte mental. Não que o Aldo seja fraco de cabeça, até porque ele não é e já provou isso ficando 10 anos invicto. Mas de alguma forma o McGregor conseguiu penetrar no mental dele e isso não está acontecendo com o Eddie Alvarez. Durante os treinos quando provocado o Aldo caía de rendimento, e o Eddie Alvarez melhora no rendimento. Para mim, essa é a principal diferença, a parte mental”, explicou Bilharinho.

Questionado sobre como imagina que o duelo se desenrolará, Bilharinho diz não acreditar que a peleja irá durar os 25 minutos. Para ele, o estilo agressivo de ambos os atletas culminará em uma luta rápida.

“Acho que essa luta não vá se estender muito pois são dois lutadores agressivos e que partem para a conclusão. O McGregor também sabe que não vai conseguir aguentar o Eddie Alvarez por cinco rounds, então creio que ele deva pressionar logo no início e isso deve fazer com que o resultado da luta apareça rápido. Caso essa luta venha se desenrolar, chegar pelo menos ao terceiro round, eu não tenho dúvidas de que será do Eddie Alvarez. O Conor McGregor não tem preparo suficiente para parar o Eddie Alvarez”, disse Bilharinho. “Ele (Alvarez) está pronto para qualquer ocasião. O Eddie Alvarez é muito bem polido tanto no alto quanto na luta agarrada e no solo. É complicadíssimo, acho que nunca senti tanto desconforto em um sparring quanto eu senti contra o Eddie Alvarez. Creio que ele vá sair com a vitória de qualquer jeito, seja nocauteando ou finalizando, e se essa luta foi para a decisão, eu acho impossível a vitória do McGregor”, concluiu o brasileiro.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments