Aldo ‘tira’ cinturão de McGregor e Pettis x Holloway vale título interino dos penas

Após lesão de Cormier, UFC tirou título de McGregor, ergueu Aldo a campeão linear e marcou Pettis x Holloway pelo título interino como luta principal do UFC 206

J. Aldo esclareceu polêmica envolvendo a Reebok. (Foto: Getty Images)

J. Aldo volta a ser campeão linear do UFC. (Foto: Getty Images)

Mesmo sem entrar no octógono, José Aldo ‘tomou’ o cinturão linear dos penas de Conor McGregor. Após a lesão de Daniel Comier, na última sexta-feira,  que adiou o combate contra Anthony Johnson no no UFC 206, o Ultimate retirou o título do irlandês, subiu Aldo de campeão interino para campeão linenar e agendou a disputa entre Max Holloway e Anthony Pettis pelo cinturão interino.

Veja Também

Daniel Cormier se lesiona e está fora do UFC 206
Anderson Silva encara Vitor Belfort
Belfort cogita revanche com Anderson: ‘É uma luta que os fãs querem ver’
‘Caminhada McGregor’ vira febre nos esportes americanos

Com isso, o UFC cumpriu a promessa e retirou o título dos penas de McGregor depois do irlandês faturar o título dos penas e recoloca o brasileiro na posição mais nobre da categoria de até 66 kg. O manauara volta a ser o dono do cinturão linear quase um ano depois de perdê-lo para Conor McGregor, no dia 12 de dezembro de 2015.

Por sua vez, Conor McGregor seguirá sua vida entre os leves depois de conquistar o título ao nocautear Eddie Alvarez no UFC 205, no início deste mês.

UFC 206

A luta principal do UFC 206 foi a grande responsável por toda essa mudança. Daniel Cormier iria defender o cinturão dos meio-pesados contra Anthony Johnson. Mas como o campeão se lesionou, o card ficou sem um grande atrativo.

A organização ainda tentou marcar Johnson contra Gegard Mousasi, pelo cinturão interino do peso-meio-pesado, mas Anthony preferiu esperar pela recuperação de Daniel Cormier para ter disputar o título linear.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments