Weidman mira luta pelo cinturão dos médios após duelo contra Mousasi

Vindo de duas derrotas seguidas, ex-campeão acredita que possa disputar o título após bater Mousasi

Weidman perdeu o cinturão para Rockhold, em dezembro de 2015. (Foto: Getty Images)

Weidman perdeu o cinturão para Rockhold, em dezembro de 2015. (Foto: Getty Images)

Sem vencer desde maio de 2015, Chris Weidman não atravessa um bom momento na carreira, com duas derrotas por nocaute consecutivas. Na próxima semana, no entanto, ele terá a oportunidade de afastar a má fase contra Gegard Mousasi no UFC 210, dia 8 de abril, em Buffalo (EUA). Ex-campeão dos médios, o norte-americano não esconde sua vontade de voltar a disputar o título, e acredita que isso será possível em caso de vitória em seu próximo desafio.

Veja Também

Mousasi chama Weidman de arrogante e desdenha de Bisping: “É fraco”
Bisping diz que enfrentará Romero se GSP não quiser lutar em julho
Weidman diz que Bisping x St. Pierre é péssimo para a divisão dos médios

“Eu vou lá e domino Mousasi, e eles não podem negar isso. E vou estar lutando pela cinta de novo (…) Meu objetivo é conseguir que a cinta de campeão esteja em torno da minha cintura novamente. É o que eu quero mais do que qualquer coisa (…). Mas você não pode chegar lá sem enfrentar uma luta de cada vez. Se eu não pensasse que poderia bater todos nesta divisão, não estaria lutando. Sinto que sou o melhor lutador do mundo, e tenho um cara bom na minha frente para poder provar isso”, declarou o lutador, em um vídeo promocional do evento que aconteceu no estado de Nova York (EUA).

Questionado sobre o confronto contra Mousasi, Weidman garantiu que é a luta ideal para garantir seu ‘passaporte’ para uma nova disputa de título.

“Quando decidimos que lutaria contra Mousasi, ficamos muito animados. É uma grande luta para mim. Ele é um cara duro, muito experiente e está numa boa série de vitórias, então acho que essa luta é a melhor luta para me empurrar de volta para a disputa do título”, concluiu.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments