Whittaker diz que merece ‘furar a fila’ por luta pelo título dos médios

Neozelandês surpreendeu ao nocautear Ronaldo Jacaré e garantiu estar preparado para lutar pelo cinturão

Whittaker vem de sete vitórias seguidas no UFC (Foto: Jeff Bottari/UFC)

Whittaker vem de sete vitórias seguidas no UFC (Foto: Jeff Bottari/UFC)

Robert Whittaker chocou o mundo do MMA ao nocautear Ronaldo Jacaré, no UFC Kansas. O peso médio interrompeu sequência de duas vitórias do brasileiro, que era um dos favoritos a  disputar o título dos médios, em posse de Michael Bisping. Por isso, o neozelandês, que tem sete vitórias seguidas na categoria, defendeu sua posição como próximo desafiante ao cinturão do inglês.

Veja Também

Sem lutar há mais de três anos, St. Pierre admite: ‘Estou enferrujado’
Ainda aguardando apelo, Weidman insiste em revanche com Mousasi
Chutes de Thales Leites suspendem Sam Alvey por até seis meses

“Mostrei ao mundo, na minha última luta, que mereço disputar o cinturão. Eu fiz o que ninguém na divisão fez (nocautear Jacaré), contra um cara que não era parado daquela forma há muito tempo. Muita gente vem tentando cavar sua vaga na disputa do cinturão ficando parada, e mexendo os pauzinhos nos bastidores, fazendo política. Mas, no fim das contas, eles estão ficando sem tempo para lutar, e eu não. Estou no começo da minha carreira. Se for uma corrida contra o tempo, eles não vão vencer”, comentou Whittaker, de 26 anos, ao programa “The MMA Hour”.

Já que Bisping enfrenta Georges St. Pierre pelo título no segundo semestre, um duelo entre o neozelandês e Yoel Romero foi sugerido. Whittaker garantiu que não deveria enfrentar o cubano e sim “furar sua fila” na disputa pelo cinturão.

“Não sei por que eu deveria fazer uma luta contra Yoel Romero para decidir o próximo desafiante. Acho que conquistei o meu direito de ser o próximo a disputar o cinturão, e o fato de Bisping me desafiar só trabalhou a meu favor. Só tenho que esperar e continuar fazendo o que tenho feito, e estar preparado para disputar o título (…) Acho que Michael Bisping me deve uma luta, porque ele não ignorou o que eu fiz naquele dia. E mesmo que ignore, acredito que ele me ache uma luta mais fácil. Yoel tem muita badalação ao seu redor. Estou certo que ele me acha um adversário mais fácil. Mas eu adoro surpreender as pessoas”, ponderou o peso médio.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments