Dana aceita fazer Johnson x Borg, mas ironiza: ‘Ingressos vão esgotar’

Presidente do UFC não ficou contente com a escolha de Demetrious Johnson, que recusou TJ Dillashaw para enfrentar Ray Borg

Dana está insatisfeito com escolha de Johnson (Foto: Reprodução Youtube-theherd)

Dana está insatisfeito com escolha de Johnson (Foto: Reprodução Youtube-theherd)

A relação entre Dana White, presidente do UFC, e Demetrious Johnson, campeão peso mosca da organização, está, definitivamente, estremecida. Os atritos entre os dois começaram a ficar fortes após DJ se recusar a enfrentar TJ Dillashaw em sua próxima defesa de título, que pode o colocar como o maior campeão da história do UFC, com 11 defesas seguidas, deixando Anderson Silva, com dez, para trás.

Além de recusar o duelo contra Dillashaw, Johnson pediu para enfrentar Ray Borg, número 3 no peso mosca. Contrariado, Dana admitiu ceder o pedido do campeão, mas ironizou a importância do combate.

Veja Também

Johnson desabafa, detona o UFC e diz ser menosprezado por Dana White
Dana White responde Johnson e dispara: ‘McGregor é melhor’

“Você quer Ray Borg, nós lhe daremos Ray Borg. Tenho certeza que os fãs vão estar exigindo isso, e as vendas de ingressos vão esgotar e os pay per views vão quebrar recordes. (…) Não estou entusiasmado com Demetrious Johnson. Você é o melhor peso-por-peso do mundo, TJ Dillashaw desafia você – um dos melhores do mundo, ex-campeão mundial – e você descarta a luta, e diz: “Não vou fazer isso. Quero Ray Borg”. Quem não gostaria de ver Demetrious Johnson x TJ Dillashaw? Dillashaw me ligou todos os dias: “Estou cortando peso. Estou cortando peso. Estou fazendo dieta. Estou treinando. Estou cortando peso. Consegui a luta? Peguei a briga?”. Você espera que o melhor lutador peso-por-peso do mundo diga: “Vamos fazer isso”, declarou Dana, em entrevista ao site “MMA Junkie”.

Dana também se defendeu da acusação de Johnson, que afirmou que o presidente ameaçou a acabar com a divisão dos moscas. Segundo o dirigente, a ideia realmente existiu, porém foi em outro contexto. Hoje, de acordo com White, ele é o maior defensor da categoria masculina mais leve do Ultimate.

“O que eu disse a ele foi: há alguns anos, realmente falávamos sobre nos livrar da divisão. Mas nunca houve uma ameaça a ele: “Oh, vamos nos livrar da divisão”. Isso foi uma completa m***, e 90% do que ele disse era uma completa m***. Nunca lhe disse: “Ei, se você não fizer isso, vamos nos livrar de sua divisão”. Construí um The Ultimate Fighter à sua volta para tentar construir você. Ele disse que não foi promovido. Quem defendeu essa divisão de peso mais do que eu? Costumava me levantar na frente da (mídia) na conferência de imprensa e dizer: “Este garoto é incrível. Ele é inacreditável. Ele é isso…”. Não estou dizendo agora que não é. Mas você teve a oportunidade de realmente ir lá… TJ Dillashaw te chamou. Ele é um dos melhores do mundo, e ele é um ex-campeão mundial. Muitas pessoas pensam que ele ganhou a luta contra (Dominick) Cruz. E você diz: “Não quero lutar com esse cara. Eu quero esse (Ray Borg), quero lutar contra o número 5 ou número 6”, disse Dana, que concluiu falando que ainda não sabe quando será o duelo entre Johnson e Borg, mas que não espera que o evento seja um sucesso.

“Você está prestes a quebrar o recorde e a fazer todas essas coisas, e você quer US$ 2 milhões e todas essas outras coisas. Eu não estou entusiasmado com isso, mas adivinhe o quê? Você quer Ray Borg, nós lhe daremos Ray Borg. Mas não quero ouvir nenhuma m*** se não for o evento de sucesso que você espera que seja”.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments