Cormier se pronuncia sobre doping de Jones: ‘Difícil encontrar palavras’

Cormier não escondeu sua decepção com o novo caso de doping envolvendo Jon Jones, que o nocauteou no UFC 214

Cormier (foto) não escondeu sua frustração (Foto: Reprodução Facebook UFC)

Cormier (foto) não escondeu sua frustração (Foto: Reprodução Facebook UFC)

A bomba da semana envolvendo Jon Jones, que foi novamente flagrado em um exame antidoping, afeta diretamente o ex-campeão dos meio-pesados Daniel Cormier, última vítima de ‘Bones’. Ao comentar sobre o caso, DC não escondeu sua decepção com o rival e com a situação em que se encontra pela segunda vez, uma vez que já passou por isso em 2016, na primeira vez em que Jones testou positivo para doping.

Veja Também

De novo! Jon Jones é pego em doping e perde o cinturão do UFC
Vídeo: McGregor discute com Malinaggi em evento para a imprensa

“É difícil encontrar palavras para descrever como me sinto agora. Estou desapontado por ouvir a notícia. Nós, como atletas, temos direito ao processo devido e vou me abster de dizer muito mais até eu saber exatamente o que aconteceu. Na minha cabeça, no dia 29 de julho, eu competi e perdi. Achei que Jon Jones foi o melhor homem naquele dia. Não sei o que pensar mais. Não posso acreditar que nós vamos passar por tudo isso de novo. Vamos ver o que acontece. Obrigado a todos os meus fãs que me apoiaram durante este tempo obscuro. Amo muito todos vocês”, declarou, em entrevista ao site ‘MMa Fighting’.

Ainda não é oficial, mas a tendência é que Cormier seja restituído ao posto de campeão dos meio-pesados. Aos 38 anos, DC soma 19 vitórias e apenas duas derrotas em seu cartel, ambas para Jones. Além do cinturão do UFC, o atleta da AKA também conquistou o GP dos pesos pesados do extinto Strikeforce, em 2012.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments