Shogun pede desculpas por deixar o UFC Japão: ‘Não faltou esforço’

Brasileiro lesionou o joelho e está fora do duelo que faria, nesta sexta-feira (22), contra Ovince St. Preux

Shogun não irá atuar no UFC Japão (Foto: Reprodução / Facebook Shogunrua)

Shogun não irá atuar no UFC Japão (Foto: Reprodução / Facebook Shogunrua)

No último sábado (16), a notícia que Maurício Shogun está fora do UFC Japão, que acontecerá nesta sexta-feira (22), pegou os fãs do lutador de surpresa. Com uma lesão no joelho, o brasileiro foi retirado da revanche contra Ovince St. Preux, dando lugar ao veterano Yushin Okami, que retorna ao Ultimate após quatro anos.

Veja Também

Mauricio Shogun sente lesão no joelho e está fora do UFC Japão
Vídeo: Assista à vitória de Luke Rockhold sobre David Branch

Através de suas redes sociais, Shogun emitiu um comunicado oficial justificando os motivos que lhe fizeram deixar o combate, sem esconder seu abatimento com o ocorrido. Além de revelar uma lesão antiga no joelho, o curitibano pediu desculpas a St. Preux,

Aos 35 anos, Maurício Shogun atravessa sua melhor fase no UFC, com três vitórias consecutivas. Sua atuação mais recente foi em março passado, quando nocauteou Gian Villante no UFC Fortaleza. Ex-campeão meio-pesado do Ultimate, ele acumula nove triunfos e oito reveses na organização.

Veja comunicado de Shogun na íntegra:

“Lutar tem sido a minha vida há mais de 15 anos. É o que eu escolhi pra mim e o que amo fazer. Pra mim é muito difícil ter que sair de uma luta, muito mesmo, e aceitar que isso era a única alternativa viável não foi nada fácil. Infelizmente, ainda no começo desse camp, machuquei meu joelho. Passei todo meu camp fazendo tudo que estava ao meu alcance pra poder lutar no dia 23 de Setembro (22 no Brasil), e treinei o tempo todo na base de remédios, proteção no joelho, gelo e fisioterapia. Fui além do limite porque voltar a lutar no Japão é algo que eu sonhava há muito tempo, porque não queria decepcionar os fãs, e porque fui criado assim nas artes marciais pelo meu mestre.

Já subi pra lutar lesionado diversas vezes na carreira, e não faltou esforço e tentativa. Mas Infelizmente todo o esforço só acabou por agravar as lesões, e chegou um momento em que a minha equipe e eu tivemos que aceitar que não haviam mais alternativas, e tive que sair da luta. Não foi fácil.

Quero pedir desculpas ao meu adversário, já estive na mesma situação inclusive quando nos enfrentamos a primeira vez, e sei que nunca é fácil, e principalmente pedir desculpas ao público, especialmente a todos aqueles que estavam ansiosos aguardando essa luta.Vou cuidar da minha recuperação agora, curar minhas lesões e voltar mais forte. Os desafios são colocados na nossa frente todos os dias, e o que realmente importa é como a gente os enfrenta. Obrigado pelo carinho de todos“.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments