Para Cyborg, Rousey ainda não superou derrotas no UFC

Brasileira falou sobre mudança de ares da rival, que agora vai aparecer no telecatch norte-americano

C. Cyborg falou sobre a ex-rival (Foto: Reprodução Facebook UFC)

Mesmo sem nunca ter enfrentado Ronda Rousey no MMA, Cris Cyborg foi tida como uma das principais rivais da ex-campeã peso galo do UFC. Hoje dona do cinturão pena do Ultimate, a brasileira falou sobre a mudança da norte-americana, que trocou o UFC pelo WWE (telecatch). Para Cris, Rousey não conseguiu superar as derrotas sofridas no MMA e, por isso, mudou de ares.[

Veja Também

Nova estrela da WWE, Ronda não descarta volta ao UFC: ‘Eu não duvidaria’
Ultimate reserva 12 de maio para o UFC 224, no Rio de Janeiro
Weidman elogia Jacaré, mas mira luta pelo título interino

Em entrevista ao site norte-americano MMA Fighting, a brasileira insinuou que Ronda precisaria de ajuda profissional para lidar com os nocautes sofridos para Holly Holm e Amanda Nunes e disse esperar a felicidade da ex-rival na nova fase de sua carreira.

“Acho que ela será feliz na WWE e é completamente diferente da realidade do MMA. Por exemplo, as vitórias e derrotas são decididas antes dos shows. Acho que é normal ela querer fazer essa mudança. Na verdade, só podemos falar sobre coisas que já superamos nas nossas cabeças e ela não superou suas derrotas no MMA ainda. Mesmo em um outro estágio na carreira dela. Algumas pessoas precisam de ajuda profissional para isso”, comentou Cris.

Enquanto Ronda segue para o WWE, Cyborg se prepara para enfrentar a compatriota Amanda Nunes, após ter vencido Holly Holm. Curiosamente, a brasileira vai enfrentar as duas únicas lutadoras a superar Rousey no UFC. Enquanto isso, a norte-americana se prepara para sua estreia oficial no WWE, que deve ocorrer no maior show da companhia no ano, marcado para o dia 8 de abril.

Notícias relacionadas