Yoel Romero não bate o peso e a luta principal não é válida pelo cinturão dos médios

Na primeira pesagem Romero estava 400g acima e teve duas horas para a perda de peso, mas devido a 100 gramas a mais, luta não vale o titulo dos pesos médios

Y. Romero (foto) não alcançou os 83,9kg. Foto: Josh Hedges/UFC

O cubano Yoel Romero foi o último lutador a subir na balança durante a pesagem do UFC 225 na manhã desta sexta-feira (08). Mesmo assim, o atleta pesou 84,3kg, ou seja 400g a mais do que a categoria permite para disputa de cinturão. Foram dadas duas horas extras para ‘Soldier of God’ tentar alcançar a meta de 83,9kg, mas por 100g não conseguiu. Dessa forma, a luta principal do Ultimate em Chicago não é válida pelo cinturão dos médios.

Veja Também

Pesagem UFC 225: Rafael dos Anjos e Colby Covington confirmam luta, mas Romero fica acima do peso
Atletas do UFC 225 veem retrocesso com a volta da pesagem à noite

Romero luta contra o campeão Robert Whittaker pela segunda vez. O primeiro embate entre os lutadores foi na vitória unânime do lutador norte-americano em julho de 2017 no UFC 213.

Com a polêmica do término das pesagens pela manhã, devido aos lutadores não conseguirem alcançar o peso, Romero afirmou em entrevista para o site “Combate.com”, “para mim, não importa. Não me preocupa. Esse é o meu trabalho. Se Dana diz que é de manhã, então é de manhã. Se ele diz que é à tarde, então é à tarde! Não tenho problema com isso”.

Primeira tentativa


Segunda tentativa

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário