Dana White garante continuidade do The Ultimate Fighter: ‘ainda há um mercado enorme’

Após 27 temporadas, o reality show do Ultimate que revela lutadores para a organização terá uma ‘sobrevida’ na ESPN

D. White confirma continuação do reality na ESPN e ESPN +. Foto: Reprodução/Youtube ufc

Muitos rumores que garantiam o término do reality show do UFC, The Ultimate Fighter após a sua última edição no ‘The Ultimate Fighter 28: Heavy Hitters’. O presidente da organização Dana White na terça-feira (07) confirmou que o programa continuará depois da troca da FoxSports pela ESPN.

“The Ultimate Fighter vai continuar. Ainda há um mercado enorme para The Ultimate Fighter”, garantiu White.

Veja Também

Dois brasileiros farão parte da temporada 28 do The Ultimate Fighter
Robert Whittaker e Kelvin Gastelum serão os técnicos do TUF 28

Apesar dos baixos índices de audiência reality nas últimas duas temporadas, o acordo de transmissão do UFC com a ESPN garante a existência do programa no futuro. “Sim. Podemos fazer isso com a ESPN, ESPN + ”, disse Dana.

Contrariando as palavras do presidente, os relatórios contabilizam uma média recorde de 200 mil telespectadores para a estreia da temporada 27 do TUF, que contou com Daniel Cormier e Stipe Miocic como treinadores na preparação para sua superluta.

O presidente da franquia disse que não se preocupa com os números (acima). “As pessoas vão olhar para as classificações, e chegarão a meio milhão, 600 (mil), 650, mas essa é a classificação inicial. Agora, com o DVR e coisas assim, os números são muito maiores. O Ultimate Fighter da última temporada (27) teve em média cerca de um milhão de telespectadores. Isso é um monte de gente. Ainda é um grande show e uma grande marca. Sim, vai continuar”, explicou Dana.

O reality show do Ultimate teve inicio em 2005 e se encaminha para sua 28ª edição onde os técnicos serão: o campeão dos médios, Robert Whitaker e Kelvin Gastelum.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário