Ortiz garante que se fosse empresário de Liddell não teria deixado lutar novamente

Após oito anos aposentado, ‘Iceman’ fez seu retorno contra o ‘Bad Boy de Huntington Beach’ na luta principal do evento de MMA da Golden Boy Promotions

T. Ortiz (dir) venceu C. Liddell (esq.) aos 4m24s do primeiro round. Foto: Reprodução/Instagram @goldenboyboxing

Tito Ortiz nocauteou Chuck Liddell aos 4m24s do primeiro round da luta principal do evento de MMA da Golden Boy Promotions, no domingo (25), em Inglewood (EUA). Após quase 12 anos desde o último confronto, o ‘Bad Boy de Huntington Beach’ conseguiu vingar as duas derrotas sofridas para ‘Iceman’. Em entrevista após o triunfo, Tito afirmou que se fosse empresário de Liddell não teria deixado lutar novamente.

Veja Também

Tito Ortiz vinga derrotas e vence Chuck Liddell por nocaute
VÍDEO: Assista o nocaute de Tito Ortiz sobre Chuck Liddell no Golden Boy MMA

“Se eu fosse seu empresário, então não [não o deixaria sair da aposentadoria. Eu teria dito a Chuck: ‘Não, vamos conseguir um emprego para você. Vamos promover o seu nome e levá-lo para contratações e fazer outros meios de ganhar dinheiro’”, disse Ortiz em entrevista pós-evento.

No entanto, o ‘Bad Boy de Huntington Beach’ admitiu que quando um ex-lutador decide voltar a lutar não há o que fazer. “Você não pode segurar alguém de volta. Se eles sentem que querem continuar a lutar, então você vai deixa ir por conta própria”, falou Tito.

Ortiz não sabe se o rival vai voltar a aposentadoria após a derrota. Entretanto, Tito se Liddell espera que o oponente receba um combate mais favorável se ele decidir retornar ao cage.

“Eu não quero tirar nada de Chuck. Se quiser competir, então o deixe competir. Talvez não como um evento principal, claro. Mas vamos achá-lo alguém que será um ajuste para ele, porque eu não sou uma luta de ajuste”, concluiu.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments