Fedor: “Aquele que não cai nunca se levanta”

O russo Fedor Emelianenko teve o amargo gosto do reencontro com a derrota neste sábado, quando foi finalizado pelo brasileiro Fabrício Werdum no combate principal do Strikeforce. Abatido pelo resultado, a fera tentou justificar o resultado do combate na coletiva de imprensa após o evento.

 

“Aquele que não cai nunca se levanta, as pessoas me fizeram um ídolo, mas todo mundo perde. Eu sou apenas um ser humano. Se for a vontade de Deus na próxima luta, eu vou vencer….”, disse, que analisou o andamento do combate. “No inicio do round eu o acertei e queria terminar o mais rápido possível, mas naquele momento, eu cometi um erro”, analisou Fedor que já pensa na revanche.

 

“Gostaria de ter uma revanche com o Fabrício, se estiver de acordo. Eu adoraria fazer (a revanche)”, falou o russo, que contou como foi o justo triangulo encaixado pelo brasileiro.

 

“Houve vários momentos em que eu pudesse escapar (do triangulo), mas eu confiei muito em mim mesmo e paguei por isso. Estou realmente muito triste e é uma pena que eu ter decepcionado as pessoas que acreditam e confiaram em mim, mas tudo nesta vida acontece por alguma razão. Se Deus decidiu isso é o que deve acontecer, então é melhor coisa para esse momento muito”, concluiu Fedor.

Deixe seu comentário