Ex-campeão do UFC é preso nos Estados Unidos

Ricco Rodriguez

Ex-campeão dos pesos pesados do UFC, Ricco Rodriguez passou por uma situação desagradável nesta quarta-feira (18). O lutador foi detido nos Estados Unidos acusado de agressão a um motorista de taxi e resistência a prisão.

 

Rodriguez, que tem um cartel profissional de 46 vitórias e 11 derrotas, solicitou um taxi, nesta quarta-feira, na cidade de Ahwatukee, no Arizona, mas ao saber que o valor da corrida seria de US$ 75 (em torno de R$ 120) não gostou da cobrança e reclamou com o motorista. Após uma discussão, Rodriguez agrediu o taxista e o levou ao chão. A polícia foi chamada, mas Ricco resistiu à voz de prisão e tentou agredir os oficiais, tendo de ser algemado e encaminhado ao distrito policial.

 

“É nossa política algemar nas costas”, disse o sargento Steve Martos, que falou sobre o comportamento de Rodriguez durante a ação de sua equipe. “Ele estava lutando com os policiais, batendo os braços nos oficiais”, completou a autoridade.

 

Em sua trajetória como profissional, Ricco Rodriguez, de 34 anos, tem passagem por grandes eventos como UFC, onde foi campeão, Pride e foi vencedor do ADCC em 1999 (torneio de luta de solo promovido no “Mundo Árabe”) . Entre suas principais vitórias estão os triunfos sobre Randy Couture, Andrei Arlovski e Jeff Monson. Em sua última atuação, em março deste ano, o norte-americano derrotou James McSweeney, na decisão unânime dos juízes no BAMMA 5.

Deixe seu comentário