Dana garante que próximo desafiante de Conor sairá de Khabib x Ferguson

Confronto entre Khabib e Ferguson, que ainda não tem data para acontecer, definirá próximo desafiante de McGregor

Dana garantiu que Khabib ou Ferguson vai enfrentar Conor (Foto: Reprodução/Youtube)

Dana garantiu que Khabib ou Ferguson vai enfrentar Conor (Foto: Reprodução/Youtube)

A próxima luta de Conor McGregor sequer será de MMA – ele enfrenta Floyd Mayweather nas regras do boxe, dia 26 de agosto, em Las Vegas, mas o irlandês já sabe quem enfrentará em seu retorno ao UFC. De acordo com Dana White, presidente do Ultimate, a primeira defesa de cinturão do campeão peso leve será contra o vencedor do duelo entre Tony Ferguson e Khabib Nurmagomedov, que ainda não tem data para acontecer.

Veja Também

Miocic também quer lutar boxe (Foto: Reprodução: Facebook UFC)
Lutadores de MMA fazem campanha para lutar boxe em card de Conor x Floyd
C. McGregor pode ser multado (Foto: Reprodução Instagram @thenotoriousmma)
McGregor terá que pagar multa caso aplique golpes de MMA em Mayweather

“O Conor vai fazer essa luta em agosto, contra o Floyd Mayweather, e vai defender o seu cinturão esse ano, mas provavelmente eu terei Tony Ferguson e Khabib Nurmagomedov lutando para ver quem receberá a chance pelo cinturão na sequência”, declarou Dana, em entrevista ao ‘Combate.com’.

O combate entre Ferguson e Nurmagomedov estava agendado para acontecer no UFC 209, em março passado, mas o russo teve problemas com o corte de peso e foi retirado do card.

Khabib, número 1 do ranking dos leves, está invicto em sua carreira no MMA, tendo vencido as 24 lutas que realizou, oito delas no Ultimate. Em seu último confronto, ‘atropelou’ Michael Johnson no UFC 205, em novembro de 2016. Ferguson, na segunda posição do ranking, vem de nove triunfos consecutivos na categoria. Sua última aparição também foi em novembro do ano passado, quando bateu o ex-campeão Rafael dos Anjos. Campeão do TUF 13, já realizou 13 combates na organização, com 12 vitórias e apenas uma derrota, em 2012, para Michael Johnson.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário