Bellator vai reforçar segurança para evitar briga entre Wand e Sonnen

Scott Coker, presidente do Bellator, garantiu que irá se prevenir para evitar algum tipo de incidente entre os dois lutadores

Wanderlei e Sonnen já brigaram (Foto: Reprodução/Youtube/UFC

Wanderlei e Sonnen já brigaram (Foto: Reprodução/Youtube/UFC

A rivalidade entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen está preocupando Scott Coker, presidente do Bellator. Isso porque o próprio dirigente garantiu que irá reforçar a segurança em todos os ambientes em que os dois lutadores estiverem, para que não ocorra nenhum incidente antes do próximo sábado (24), quando eles se enfrentarão em Nova York (EUA), no Bellator 180.

Veja Também

Sonnen (esq) e Wand (dir) vão se enfrentar em Nova York (Foto: Reprodução/Instagram WanderleiSilva)
Wanderlei e Sonnen farão testes antidoping antes do Bellator 180
Sonnen (esq) e Wand (dir) vão se enfrentar em Nova York (Foto: Reprodução/Instagram WanderleiSilva)
Wanderlei falta em coletiva do Bellator, e Sonnen provoca o brasileiro

“Nós teremos seguranças em todos os lugares que esses dois estiverem juntos. Existe um desgosto genuíno ali, que paira há três anos quando o Wanderlei se sentiu desrespeitado. Ele atacou o Sonnen e eles tiveram uma briga. Aquilo não foi apenas para as câmeras. É algo realmente pessoal entre eles… Será elétrico quando a porta do cage se fechar”, declarou Scott, em entrevista ao site ‘MMA Junkie’ (EUA).

A briga citada por Coker aconteceu durante as gravações do TUF Brasil 3, em 2014. Na ocasião, os dois lutadores, que vinham se provocando durante as gravações do reality show, acabaram chegando a vias de fatos, precisando que os atletas participantes da temporada os separassem.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário