Woodley acusa St. Pierre de fingir doença para não enfrentá-lo

Norte-americano declarou que se ofereceu para subir ao peso médio em busca de uma luta com o canadense

T. Woodley (foto) reclamou de GSP (Foto: Reprodução Facebook UFC)

T. Woodley (foto) reclamou de GSP (Foto: Reprodução Facebook UFC)

O campeão meio-médio do UFC, Tyron Woodley, declarou que Georges St. Pierre não quer enfrentá-lo e, por isso, disse que está doente. O canadense declarou está com uma colite (infecção no intestino grosso) e, por isso, escolheu desistir do seu título peso médio, que foi dado ao antigo campeão interino Robert Whittaker. Para Woodley, porém, isso não passou de uma jogada de GSP para não enfrentá-lo.

Veja Também

Técnico diz que St. Pierre pode voltar a se aposentar
Lyoto Machida fará luta principal do UFC Belém contra Eryk Anders
Campeão Miocic garante vitória sobre Ngannou no UFC 220

Em seu show semanal no canal TMZ, o campeão norte-americano declarou que chegou a se oferecer para subir de peso em busca de uma luta com o canadense, mas ele não quis enfrentá-lo.

“Eu quero lutar com Georges, cara. Eu me ofereci para subir de peso, ir à divisão dos médios para enfrentá-lo, mas agora ele fingiu uma lesão qualquer e deixou o cinturão dele vago. Então, não sei o que ele quer, cara…”, lamentou Woodley.

Já que o duelo com o ex-campeão canadense não irá acontecer tão cedo, o atual dono do cinturão meio-médio declarou que irá passar por uma cirurgia no ombro, que ele estava disposto a adiar para enfrentar St. Pierre.

“Então, vou reparar o meu ombro. Eu disse que não queria passar por uma cirurgia, não queria reparar meu ombro. Mas se não há uma luta que realmente faça sentido para mim neste tempo, para que eu possa me arriscar e lutar sem estar 100%, então vou parar e curar essa lesão. Vou fazer tudo para ficar 100% de novo”, anunciou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário