Ex-UFC, Anthony Johnson é preso por violência doméstica

Norte-americano afirmou ter havido contato físico, porém não admitiu agressão à parceira

A. Johnson (foto) é preso por violência doméstica. Foto: Reprodução/ YouTube

O ex-desafiante ao título dos meio-pesados (até 93kg.) Anthony Johnson foi preso na última segunda-feira (6) acusado de violência doméstica. A informação foi divulgada pelo ‘TMZ Sports’ nesta terça-feira (7). O ex-lutador confirmou a discussão, mas revelou que não houve intenção de machucar a parceira.

Veja Também

Vídeo: Tony Ferguson usa redes sociais para anunciar retorno ao UFC
Al Iaquinta recebe dura suspensão médica de seis meses após derrota para Donald Cerrone
Raoni Barcelos se diz frustrado com ausência de Said Nurmagomedov do UFC 237

Segundo o ‘TMZ’, no boletim de ocorrência consta que a mulher não apresenta lesões físicas visíveis. Porém, diante dos fatos, Johnson foi detido e levado à delegacia de polícia para prestar esclarecimento.

A parceira de Anthony afirmou que estava expulsando o ex-lutador de casa e empacotando seus pertences, quando o percebeu que o lutador começou a ficar violento. Ele, então a agarrou e carregou para outro cômodo da casa. A namorada, então, chamou a polícia para denunciar o fato. Ela afirmou que ficou com medo devido ao seu tamanho e experiência nas artes marciais.

Johnson, no entanto, disse que ele a pegou e carregou para outro quarto para evitar mais brigas.

O contato violento entre homem e mulher é encarado como agressão física e passível de punição jurídica. O norte-americano será autuado por contraversão de violência doméstica.

Famoso pelo seu impressionante poder de nocaute, Anthony Johnson, de 35 anos, figurou entre os atletas do UFC entre os anos de 2014 e 2017. Em oito lutas pela organização, o atleta foi derrotado em apenas duas ocasiões; as duas para Daniel Cormier em disputa pelo título da categoria dos meio-pesados. No total, ‘Rumble’ lutou em 28 ocasiões, somando 22 triunfos e seis reveses.

Após última derrota, em 2017, Johnson anunciou sua aposentadoria do MMA e, desde então, não voltou a atuar no mundo das lutas.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário