Após nocaute para brasileiro, Sage Northcutt sofre oito fraturas no rosto e passa por cirurgia

Norte-americano confirma lesões após golpe certeiro de Cosmo Alexandre, que o levou a nocaute em sua estreia pelo ONE FC

S. Northcutt (foto) passa por cirurgia após derrota para C. Alexandre.
Foto: Reprodução/Instagram @supersagenorthcutt

O ex-UFC Sage Northcutt admitiu ter sofrido oito fraturas no rosto após o golpe sofrido contra o brasileiro Cosmo Alexandre em sua estreia pelo ONE FC, na última sexta-feira (17). Em publicação realizada em seu Intagram, no último final de semana, o atleta mostrou imagens da radiografia, que comprovam a lesão. Northcutt foi contratado pela nova organização no fim do ano passado, após ser dispensado pelo Ultimate.

Veja Também

Após estreia dos sonhos no UFC, Michel Pereira afirma: ‘Não consegui mostrar metade do que sei’
Cris Cyborg aceita desafio de Felicia Spencer e sugere luta para julho, no Canadá
Conheça três lutadores que se lesionaram em suas trajetórias pelo octógono

“Recém-saído da cirurgia. Eu tive oito fraturas e uma operação intensa de nove horas. Me sinto abençoado pelo incrível carinho e todo o apoio do ONE FC, família e amigos. Eu voltarei”, publicou Sage finalizando com uma referência à famosa frase do filme ‘O Exterminador do Futuro’, de 1984.

A derrota ocorrida no evento, em Cingapura para Cosmo, encerrou uma sequência de vitórias de três vitórias consecutivas do norte-americano; todas elas pelo Ultimate.

Desde dezembro de 2018, a diretoria do ONE vinha tratando com muita expectativa a estreia de Sage pela companhia. No entanto, o Alexandre frustrou o plano de todos ao derrotar Northcutt por nocaute em apenas 29 segundos de disputa, não dando nenhuma chance para o atleta mostrar suas habilidades.

O futuro para Sage, no momento, é aguardar a recuperação de suas lesões e projetar uma próxima luta pela companhia, que atualmente também conta com o brasileiro Vitor Belfort em seu grupo de atletas.

Aos 23 anos, Nothcutt soma 14 lutas, 11 vitórias e três derrotas. O atleta surgiu como grande promessa do UFC no ano de 2015, quando conquistou dois triunfos seguidos, aos 19 anos, e encheu os olhos do presidente da companhia, Dana White. O bom momento, no entanto, durou até janeiro de 2016, quando Sage foi derrotado por Bryan Barbarena por finalização.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário