Rodrigo Damm vence John Macapá em luta polêmica e garante vaga na semifinal do TUF Brasil

Rodrigo Damm (esq.) vence John Macapá no TUF Brasil. Foto: UFC/Divulgação

O experiente Rodrigo Damm é o segundo peso pena a garantir vaga nas semifinais do TUF Brasil. No quarto episódio do reality show, exibido neste domingo (16), o atleta do time de Vitor Belfort fez uma luta duríssima contra John Macapá, da equipe de Wanderlei Silva, e venceu a peleja na decisão dividida dos juízes, após o round extra.

O episódio
O quarto episódio começou com a primeira grande confusão na casa. O peso pena Anistávio Gasparzinho acordou os lutadores que estavam deitados e o clima ficou tenso. Godofredo Pepeye e Sergio Moraes, do time de Vitor Belfort, trancaram o companheiro de equipe fora da casa.

Inconformado, Gasparzinho começou a bater nos vidros da casa e acordou Rony Jason, da equipe de Wanderlei Silva, que sofre de insônia. Os lutadores conversaram e Rony, que já chegou a morar com Gasparzinho antes do TUF, advertiu o colega.

“Fiquei mais chateado por ser o Gasparzinho. Convivi com ele um ano e meio, dois. Ele sabe do meu problema”, disse Jason. Por não conseguir dormir, Rony Jason decidiu ir treinar. O barulho dos socos e chutes que ele dava no saco de areia também atrapalhou o sono de outros lutadores, como Rodrigo Damm e Daniel Sarafian, que reclamaram. Jason rebateu dizendo que quem o acordou foi um colega da equipe deles.

Logo depois Vitor Belfort, que vinha de vitórias nos últimos dois programas, tinha o direito de escolher a próxima luta de pesos penas. O técnico da equipe azul escolheu para representar seu time Rodrigo Damm contra John Macapá, que representa Wanderlei.

A luta
Com boa experiência internacional, Rodrigo Damm foi surpreendido pelo início com agressividade de John Macapá. O atleta do time azul trabalhou com bons golpes de boxe e chutes baixos para acertar o lutador da equipe de Belfort.

Por sua vez, Damm tentava derrubar ao adversário e trabalhar sua especialidade: o jiu-jítsu. Faltando um minuto para terminar o primeiro round, Rodrigo conseguiu uma queda, mas John conseguiu se recuperar e voltar para a trocação.

Já no segundo round, após novamente sofrer duros golpes na trocação, Damm consegue uma queda e controla a disputa por cima. Apesar de não punir o adversário, Rodrigo fica por cima e equilibra a disputa.

Ao final dos dois rounds, os juízes laterais marcaram 19×19 e a luta foi para um round extra.

O terceiro assalto começou mais estudado, e mesmo já apresentando cansaço, Macapá acertava chutes baixos e mantinha Rodrigo fora do raio de ação. Porém, na metade final do round, Damm aplica uma boa queda em John e novamente fica por cima.

Faltando 20 segundos para terminar a luta, o amapaense conseguiu reverter a posição e pegar as costas do oponente no fim, mas não teve tempo de atacar Rodrigo.

Ao final, os juízes laterais marcaram a vitória para Rodrigo Damm na decisão dividida.

Podcast #033: As vitórias de Marina Rodriguez no UFC e Tyson Fury no Boxe + ex-campeão preso

Comentários

16 respostas para “Rodrigo Damm vence John Macapá em luta polêmica e garante vaga na semifinal do TUF Brasil”

  1. paulo disse:

    acho que a globo ta pondo a patinha de fora..o macapa dominou o centro..chutou bastante as penas do damm..foi efetivo na trocação..o damm so derrubou..não fez nada na montada.. ta com cara de marmelada.. o lambesaco do belfuleira tem rabo preso com galvão e globo..tomara que o dana perceba isso o ufc não precisa dessas coisas…vandeco toma cuidado..que vão tentar favorecer para o belfuleira..

  2. Guilherme disse:

    Acho que não vão favorecer ninguém, mas acho que o Macapá foi melhor, mas entendo que as quedas contam muito, e acredito que as belas queda impressionaram os juízes laterais. E acho que a 1º luta, a do Pepey e do Galeto, tinha que ter o 3 round também!

  3. anderson melo disse:

    concordo totalmente a globo esta manipulando resultados beneficiando a equipe de belfort totalmente resultado da luta foi ridiculo!

  4. Observador disse:

    Só lamento para John Macapá, um garato com talento na trocação que é a melhor parte do MMA, pois eu não gosto de assistir aquele agarramento no chão, mas não é só isso ele foi mais agressivo e contundente na luta com Rodrigo Damm, o próprio Damm reconheceu que nunca enfrentou nada parecido em sua vida, no entanto, John Macapá injustamente não recebeu a vitória merecida… Quem perde é o MMA…

  5. max sanches disse:

    isso foi um roubo na cara-de- pau meu ,que vergonha!!!!!

  6. max sanches disse:

    isso foi um roubo na cara-de- pau meu ,que vergonha!!!!!

  7. franciane disse:

    Maior marmelada, de onde são esses arbitros? que não viram a vitória clara de Macapá. Acho que esse resultado deveria ser revisto, pois isso ta me parecendo favorecimento, sendo que maca´pa dominou a luta o tempo todo, enquanto Damm tentava amarrar a luta .

  8. franciane disse:

    Maior marmelada, de onde são esses arbitros? que não viram a vitória clara de Macapá. Acho que esse resultado deveria ser revisto, pois isso ta me parecendo favorecimento, sendo que maca´pa dominou a luta o tempo todo, enquanto Damm tentava amarrar a luta .

  9. franciane disse:

    Maior marmelada, de onde são esses arbitros? que não viram a vitória clara de Macapá. Acho que esse resultado deveria ser revisto, pois isso ta me parecendo favorecimento, sendo que maca´pa dominou a luta o tempo todo, enquanto Damm tentava amarrar a luta .

  10. Romulo disse:

    Concordo plenamente com o Paulo… Macapá ganhou a luta e mostrou que no Norte e Nordeste tem muitos caras duros e com grande qualidade.

  11. Bruno cabeça disse:

    Só tenho uma palavra pra dizer:ROUBO

  12. Daniel disse:

    É por isso q esse país não vai pra frente, tão fazendo com o MMA o mesmo que fazem na politica. O luatador que tem mais influencia e curriculum vence, não importando se um rapaz humilde do norte do Brasil fez por onde merecer a vitóri!!… Pobre John Macapá. Se eu fosse o Wand eu ajudava esse rapaz(empresariando que fosse!) tem muito talento pra ser disperdiçado desta maneira!!

  13. Valéria Ruane disse:

    A globo realmente tem que analizar e rever a luta de Jhon Macapá, pois sua eliminação foi injusta, os juises roubaram.

  14. gustavo disse:

    Qual a novidade? Me diz um reality show da globo que não tem o resultado manipulado por eles?

  15. luciana negrão disse:

    concordo que foi um roubo, o macapá lutou muito enquanto o Damm só ficava agarrando as pernas do cara…kkkkkkkkkk

  16. emori disse:

    fala serio…o vencedor foi o macapá, só os juizes não viram,ou fizeram vista grossa até nesse esporte tem treta…

Deixe um comentário