Agredido por McGregor, vítima quebra silêncio: ‘Não gosto dele. Tem uma má reputação’

Homem, que preferiu não revelar sua identidade confirma versão de que foi socado por rejeitar bebida oferecida por lutador; ele afirmou ter 50 anos

C. McGregor em confusão em bar. Fogo:Reprodução/YouTube TMZ Sports

Na última semana, um vídeo de Conor McGregor agredindo um homem em um bar na Irlanda foi comentado no mundo todo. Após a repercussão negativa do caso, a vítima, uma semana depois, resolveu falar sobre o assunto e dar sua opinião sobre o caso. Em entrevista ao ‘Irish Daily Star’ o homem, que preferiu se manter anônimo, falou sobre o incidente envolvendo o ex-campeão dos leves e penas do UFC.

Veja Também

Brasileiro vence evento de MMA e doa bolsa para rival em Salvador
Em negociação, presidente do Bellator acredita em acerto com Cyborg: ‘Isso leva um tempo’
Vídeo: Bar irlandês nos Estados Unidos descarta garrafas de uísque de Conor em vaso sanitário

“Eu estou sentado no banco do bar só tomando uma cerveja com meu amigo e, de repente, porque eu recuso a bebida dele, eu recebo um soco. Não precisava disso”, contou o agredido.

O homem afirmou, também, que não aprova as atitudes de Conor McGregor. O irlandês, que poderia ser um ícone para seu país, tem se encontrado em situações delicadas em relação à sua vida pessoa. Dentro dos octógonos, o ‘Notório’ pouco tem se apresentado ao longo dos anos.

“Eu não gosto daquele homem. Eu acho que ele está ganhando uma má reputação. Ele é um pouco provocador. Um provocador com dinheiro”, disse o senhor.

A vítima ainda foi questionada sobre o resultado do impacto do golpe desferido pelo lutador. McGregor é conhecido por sua potente mão direita, a qual foi responsável por levar muitos atletas a nocaute, inclusive o brasileiro José Aldo, em 2015. Sobre a pergunta, o homem brincou.

“Olhe só, eu consigo suportar um soco”, falou.

A entrevista, também, foi útil para se esclarecer uma dúvida sobre a idade da vítima socada por Conor. Havia a especulação de que se tratava de um homem idoso, no entanto, a idade apresentada pelo agredido era de 50 anos – o que também não justifica o fato.

McGregor não atua profissionalmente desde outubro do ano passado, quando foi batido pelo russo Khabib Nurmagomedov na disputa pelo cinturão dos leves (até 70,3kg.), no UFC 229. Desde então, o atleta permanece inativo dentro das artes marciais mistas. Segundo o presidente do Ultimate, Dana White, o irlandês está aguardando alguns resultados de combates para definir seu futuro.

O ‘Notório’, atualmente, figura na terceira posição no ranking de sua divisão. Aos 31 anos, ele soma 25 combates, com 21 vitórias e quatro derrotas.

Veja o momento da agressão

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário