‘Sem opções’ nos meio-pesados, Anthony Smith pede luta contra Glover Teixeira

Com divisão ‘engarrafada’, norte-americano sugere duelo de ex-desafiantes contra brasileiro para 2020

A. Smith (foto) pede luta contra G. Teixeira. Foto: Reprodução/Instagram @lionheartasmith

O norte-americano Anthony Smith está disposto a retomar a condição de desafiante na categoria dos meio-pesados (até 93kg.). Sem adversários disponíveis entre os cinco primeiros da categoria, o atleta encontrou em um ídolo brasileiro a chance de voltar aos holofotes da divisão. Pensando nisso, o combatente decidiu desafiar Glover Teixeira para um combate em 2020. Mostrando respeito pelo mineiro, Smith acredita que o retrospecto recente positivo de Glover pode promover uma grande luta aos fãs no próximo ano. A informação foi divulgada pelo ‘MMA Junkie’.

Saiba mais

Com luta neste sábado, Amanda Nunes quer continuar fazendo história no MMA
Cormier se diz pronto para revanche contra Miocic, mas aceita esperar: ‘O campeão dita as regras’
Após nova derrota, Thiago Pitbull confirma permanência no MMA: ‘Tenho muita luta em mim’

“Eu estou de olho no top cinco, mas acho que fora do top cinco está meio mexido. Está tudo mudando muito, mas acho que Glover está disponível. Então é alguém que eu adoraria enfrentar só por causa de quem ele é e pelo que ele fez neste esporte”, afirmou Anthony.

O pedido por Glover, além de se tratar de um ex-desafiante ao título, pelas últimas atuações do brasileiro junto ao UFC. O mineiro de Sobrália vem de três vitórias consecutivas dentro da companhia e vem, aos 40 anos, retomando lugar de destaque dentro da divisão dominada por Jon Jones.

A boa fase de Teixeira garantiu ao atleta a nona colocação na categoria e um confronto contra Smith poderia ser a oportunidade perfeita para que o brasileiro retomasse lugar entre os cinco primeiros da divisão. Glover já admitiu que não pretender se aposentar tão cedo. O atleta, inclusive, tem se mostrado eficiente contra adversários mais jovens e garantindo que ainda tem condições de atuar em alto nível.

Anthony, porém, afirmou que o desafio ao brasileiro não se trata de uma questão pessoal. Com a divisão em grande movimentação e atletas surgindo como possíveis desafiantes, Smith afirmou que Teixeira acabou sendo o melhor nome disponível no momento.

“Não estou atacando ninguém. Não estou provocando. Ele é somente o próximo cara que talvez esteja disponível, e é assim que eu sou. Não vou esperar ninguém”, finalizou o lutador.

Tanto Anthony quanto Glover trazem no cartel lutas pelo cinturão da categoria. Smith vem de derrota recente para Jones, em combate ocorrido em março. Teixeira, por sua vez, disputou o título contra ‘Bones’ em 2014 e também não teve êxito.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário