Ex-UFC e antigo ‘número um’ meio-médio do Bellator, Rory MacDonald assina com a PFL

Recentemente batido por Douglas Lima em final de Grand Prix, norte-americano muda de ares e é anunciado oficialmente pela nova empresa

R. MacDonald assina contrato com PFC. Foto: Reprodução/Facebook Bellator

Ex-atleta do UFC e antigo detentor do cinturão meio-médio (até 77kg.) do Bellator, o canadense Rory MacDonald, de 30 anos, foi anunciado como novo atleta da PFL (Professional Fighters League). A informação foi divulgada nas redes sociais oficiais da organização, que agora contam com o lutador para compor seu grupo de atletas.

Veja Também

Usman e Covington recebem seis meses de suspensão médica após UFC 245
Marlon provoca Aldo depois de vitória no UFC 245: ‘É flamenguista e fica de chororô?’
Em dia de ‘tiro ao alvo’, Aldo provoca Cejudo: ‘Olha o que vou fazer com a sua cabeça’

A PFL apresentou uma proposta irrecusável ao lutador, que o fez desistir de tentar recuperar seu título e topasse a aventura de figurar como um dos grandes nomes da organização. O plano é escalar Rory para disputar o cinturão meio-médio e escalá-lo para o Gran Prix de sua divisão, que premia com US$1 milhão (cerca de R$4 milhões o vencedor, em 2020) o vencedor.

MacDonald se ganhou notoriedade no MMA após figurar como um dos atletas do Ultimate entre os anos de 2010 e 2017. Pela companhia, foram 13 apresentações, com oito vitórias e cinco derrotas, contando, inclusive, com uma disputa de cinturão, quando encarou Robbie Lawler em uma das lutas do UFC 189.

Em 2017, após uma sequência de duas derrotas em sequência, o canadense acabou não tendo seu contrato renovado com o Ultimate e foi prontamente contratado pela concorrente. Calçando as luvas do Bellator, MacDonald se destacou pela nova organização, conquistando o título logo em sua segunda apresentação, quando bateu Douglas Lima na decisão unânime dos juízes.

Rory ficou no Bellator por pouco mais de dois anos e somou seis lutas, com três triunfos, dois reveses e um empate.

Sua última luta pela companhia presidida por Scott Coker marcou a perda do seu título na revanche contra Lima, em outubro, pelo Bellator 232.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Welcome to #PFLmma, @romac_gorilla! 🇨🇦👊

Uma publicação compartilhada por PFLmma (@pflmma) em

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário