Presidente do UFC revela a luta que gostaria de ter realizado e não conseguiu

Dana White, presidente do UFC, lamentou não ter conseguido promover o duelo entre os pesos pesados Brock Lesnar e Fedor Emelianenko

Dana White

D. White revela qual luta não conseguiu promover Foto: Reprodução/YouTube

O UFC foi palco de grandes lutas da história do MMA como: José Aldo x Conor McGregor; Anderson Silva x Vitor Belfort; Khabib Nurmagomedov x Conor McGregor e Ronda Rousey x Holly Holm. Mas todos esses grande combates não tiraram um antigo desejo de Dana White, presidente do UFC. O dirigente revelou, em entrevista ao site do próprio Ultimate, a frustração de não ter promovido Brock Lesnar x Fedor Emelianenko.

Veja Também

Presidente do UFC garante que Dominick Reyes dará trabalho para Jon Jones: ‘Luta enorme’
Edson Barboza anuncia mudança do peso leve para a divisão de penas

O combate entre os lutadores foi bastante especulado entre 2011 e 2013, como o grande duelo de pesos pesados da história do MMA. Porém, o UFC nunca conseguiu fechar a um acordo com o russo.

“A única luta que eu queria fazer e que nunca consegui foi Brock Lesnar contra Fedor Emelianenko. Nós iríamos fazer no Texas Stadium. Mas eu não consegui fechar um negócio com Fedor, então isto nunca aconteceu”, disse.

Por que não aconteceu?

Após o fim das negociações entre UFC e Fedor muitos rumores surgiram sobre o fracasso no acordo. Desde de exigências enormes do lutador até um baixo salário proposto pelo evento. Entretanto, Dana White explicou que o contrato não foi assinado por um problema pessoal de Fedor.

“Estávamos conversando (com o Fedor). Estávamos perto de contratá-lo, pouco antes de seu pai morrer. Nós estávamos lá. Quando eu estava falando sobre fazer o grande show no estádio de Dallas… Então, o pai (do Fedor) morreu”, completou.

Após não assinar com o UFC, Fedor passou pelo M-1 Global, em 2012, Rizin em 2015, e EFN em 2016. O russo chegou a anunciar sua aposentadoria, mas voltou atrás e assinou com o Bellator, fazendo mais cinco combates desde então. Ele soma um histórico de 39 vitórias e seis derrotas como profissional.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments